Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/3064
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_SoniaCristinaHamid.pdf7,65 MBAdobe PDFView/Open
Title: Entre a guerra e o gênero : memória e identidade de mulheres palestinas em Brasília
Authors: Hamid, Sônia Cristina
Orientador(es):: Woortmann, Ellen Fensterseifer
Assunto:: Imigrantes - Brasília (DF)
Identidade
Memória
Issue Date: 9-Mar-2007
Citation: HAMID, Sônia Cristina. Entre a guerra e o gênero: memória e identidade de mulheres palestinas em Brasília. 2007. 178 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: Esta dissertação tem como principal objetivo perceber como mulheres palestinas - imigrantes e a primeira geração de descendentes nascidas no Brasil - constroem suas identidades em Brasília. Para tanto, a análise das memórias foi o meio privilegiado para a compreensão desses elementos estruturantes em suas construções identitárias. Em grande medida, percebeu-se que o conflito entre Israel e Palestina e as proscrições e prescrições quanto ao gênero são os aspectos centrais, embora não exclusivos, para a conformação de uma auto-identificação como "palestina", "refugiada", "árabe" ou mesmo "brasileira" entre essas mulheres. É importante ressaltar que os elementos acionados e reforçados pelas palestinas não se devem a aspectos constitutivos de uma "cultura árabe", mas a construções que se desenvolvem em confrontos com alteridades específicas que despertam para distintas representações. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The main objective of the present dissertation is to perceive how palestinian womenimmigrants and the first generation of descents born in Brazil – construct their identities in Brasilia. In order to do that, the analysis of memories was the privileged instrument to comprehend these structuring elements in their identitarian constructions. In a lot of ways, we perceive that the conflict between Israel and Palestine as well as the prescriptions and proscriptions of gender are the main aspects, even though they are not the only ones, to conform a self-identification as "palestine", "refugee", "arab" or even "brazilian" among those women. It is important to underline that the elements actioned and reinforced by the Palestine women are not due to constitutive aspects of an "arab culture". On the contrary, these constructions are built during the processes of confrontations between specific alterities, which awake to different representations.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Antropologia, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, 2007.
Appears in Collections:DAN - Mestrado em Antropologia (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/3064/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.