Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/2857
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007Tese de Doutorado de Simone Ribeiro Garcia.pdf1,99 MBAdobe PDFView/Open
Title: "Segura na mão de Deus e vai" : tratamentos clínicos espíritas e suas condições de felicidade
Authors: Garcia, Simone Ribeiro
Orientador(es):: Martins, Francisco Moacir de Melo Catunda
Assunto:: Cura pela fé
Psicologia religiosa
Issue Date: Sep-2007
Citation: GARCIA, Simone Ribeiro. "Segura na mão de Deus e vai": tratamentos clínicos espíritas e suas condições de felicidade. 2007. 282 f. Tese (Doutorado em Psicologia Clínica)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: O presente trabalho tem como objeto os tratamentos clínicos realizados em instituições espíritas ou por médiuns curadores autônomos. Seu objetivo central é analisar em que condições os tratamentos são avaliados, por aqueles que se tratam, como processos bem-sucedidos. Com o enfoque etnográfico, foram observadas cinco diferentes práticas clínicas e ainda entrevistadas dezoito pessoas que se submeteram aos tratamentos, resultando em vinte e dois casos clínicos. Os dados foram analisados sob a perspectiva da Filosofia da Linguagem Ordinária, mais especificamente com a teoria dos atos de fala de Austin sobre condições de felicidade dos performativos, e ainda com elementos da teoria de Searle e de Grice. Os dados apontaram para uma estrutura clínica, que muito se assemelha à encontrada em outros tipos de tratamentos, que são entendidas como traços gerais que servem de base para o fazer clínico. Foram identificadas três diferentes posturas em relação ao tratamento, por parte das pessoas atendidas, que estão de diferentes formas relacionadas à felicidade ou à infelicidade dos processos. Os aspectos sagrados dos atendimentos, mesmo configurando-se uma promessa inflada de cura, não garantem isoladamente sua felicidade, dependendo esta, principalmente, das seguintes condições: manutenção e legitimação da autoridade do agente de cura, pedido genuíno de ajuda e presença de infortúnio grave ou crônico. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The paper at hand addresses clinical treatment carried out by spiritist institutions or autonomous mediunic healers. Its main purpose is to analyze under which conditions treatment is evaluated as successful by those who undergo it. Ethnographically focusing on five different clinical practices and eighteen interviews with individuals who underwent treatment, this research resulted in twenty two clinical cases. Data was considered in the context of Ordinary Language Philosophy, more specifically Austin’s speech act theory on happiness conditions of the performatives, as well as elements from Searle and Grice. Data pointed towards a clinic structure, in close resemblance to other forms of treatment, understood as general base characteristics for the clinical process to occur. Three different subjects’ attitudes towards treatment were identified, that are distinctively related to process happiness or unhappiness. The sacred aspects of counseling by themselves, an inflated promise of cure, do not guarantee happiness, for it depends, mainly, on the following conditions: maintenance and legitimacy of authority of the agent, genuine cry for help, and presence of grave or chronic mishap.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Clínica, 2007.
Appears in Collections:PCL - Doutorado em Psicologia Clínica e Cultura (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/2857/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.