Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/27793
Files in This Item:
File SizeFormat 
a06v16n1.pdf172,98 kBAdobe PDFView/Open
Title: Informação política e atitudes sobre gastos governamentais e impostos no Brasil: evidências a partir de um experimento de opinião pública
Authors: Turgeon, Mathieu
Rennó, Lucio
Assunto:: opinião pública
informação política
atitudes políticas
gastos públicos
public opinion
political information
political attitudes
public expenditure
Issue Date: 2010
Publisher: Centro de Estudos de Opiniao Publica da Universidade Estadual de Campinas
Citation: Opin. Publica,v.16,n.1,p.143-159,2010
Abstract: Resumo: Não é novidade que o cidadão brasileiro, como outros vivendo em países democráticos, em média sabem pouco sobre seus governos e sobre as orientações ideológicas da maioria dos candidatos e partidos políticos. No entanto, poucos pesquisadores estudaram de maneira sistemática as conseqüências da falta de informação política para a vida democrática. Segundo alguns, a falta de informação afeta de maneira importante as atitudes políticas dos eleitores. Já para outros, a informação política não é relevante para formação de opiniões. O artigo examina essa questão no Brasil, usando pela primeira vez dados de um experimento conduzido em uma pesquisa de opinião pública realizada em 2004. Mais especificamente, examinamos como a informação sobre o governo federal brasileiro afeta as preferências políticas do cidadão em termos de gastos públicos. No experimento utilizado, alguns participantes receberam informação sobre as fontes de renda do governo federal, suas despesas e políticas públicas, enquanto outros entrevistados não receberam qualquer informação adicional. Os resultados indicam que os participantes que receberam informação política preferem menos impostos e redução nos gastos públicos daqueles que não receberam informação política. Estes resultados têm conseqüências importantes para o estudo do processo democrático, pois indicam que uma cidadania mais informada tem atitudes e preferências políticas distintas de uma menos informada.
Abstract: We know that Brazilian citizens, just like those living in other democracies of the world, know very little about politics. We know less, however, about the consequences of political ignorance on the democratic process? Some scholars argue that the lack of political information has minimal effect of people s political attitudes and behaviors. Others, however, claim that the effects are substantial. In this paper, we examine this question using a survey-experiment conducted in Brazil in 2004. Specifically, we explore how information about the federal government affects attitudes toward government spending and taxing policies. The experiment has a control group and a treatment group where subjects in the latter were provided political information before measuring their preferred level of government spending and taxing. Results indicate that those who received political information tended to prefer less government spending and taxing, as compared to those who did not receive any information. These results carry important implications for the democratic process because they indicate that a more knowledgeable Brazilian electorate would hold different political preferences.
DOI: https://dx.doi.org/10.1590/S0104-62762010000100006
Appears in Collections:Uso interno - em processamento

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/27793/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.