Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/27741
Files in This Item:
File SizeFormat 
ARTIGO_HipnoseSubjetividadeUtilização.pdf592,41 kBAdobe PDFView/Open
Title: Hipnose e subjetividade : utilização da experiência religiosa em psicoterapia
Other Titles: Hypnosis and subjectivity : the use of religious experiences in psychotherapy
Authors: Neubern, Maurício da Silva
Assunto:: Religião e Psicologia
Hipnose
Psicoterapia
Subjetividade
Issue Date: 2010
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Citation: NEUBERN, Maurício da Silva. Hipnose e subjetividade: utilização da experiência religiosa em psicoterapia. Estudos de Psicologia (Campinas), Campinas, v.27, n.2, p.235-245, abr./jun. 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-166X2010000200011&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 14 maio 2018. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-166X2010000200011.
Abstract: O presente trabalho destaca algumas possibilidades de atuação da psicoterapia junto a clientes que possuem demandas de experiência religiosa. Partindo de um breve estudo de caso de uma cliente, busca-se atingir dois objetivos: demonstrar como é possível ao psicoterapeuta compreender as experiências sagradas do sujeito sem dissolvê-las em categorias prévias e consagradas de seu aporte teórico e destacar a relevância da técnica hipnótica como um importante instrumento para demandas dessa natureza, isto é, uma técnica que procura utilizar as experiências religiosas do sujeito a favor de seu processo terapêutico. O artigo conclui que as possibilidades de atuação do psicoterapeuta diante de tais demandas passam necessariamente pela questão dos sentidos próprios produzidos pelo cliente, pelo contexto de diálogos e potencialidades e pela postura de mimetismo para interação com o mundo religioso do sujeito.
Abstract: This article highlights the possible effects of psychotherapy on clients who live under a regime which involves religious demands. It is based on a brief case study of a client and has two objectives. Firstly, to demonstrate that it is possible for psychotherapists to understand the inviolate experiences of their clients without breaking them down into previously established theories. Secondly, it emphasizes the use of hypnotic techniques as relevant and important tools for demands of this nature, that is, they are techniques that can incorporate religious experiences of the subjects into the process of therapy in a positive way. The article concludes that psychotherapists faced with such demands must examine the individual feelings generated by their client, the context of their dialogues and capabilityies, and the postural mimicry they adopt when interacting in their religious dominion.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-166X2010000200011
Appears in Collections:PCL - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/27741/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.