Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/27129
Files in This Item:
File SizeFormat 
1980-5098-cflo-17-03-00217.pdf126,93 kBAdobe PDFView/Open
Title: O DESFLORESTAMENTO NA AMAZÔNIA BRASILEIRA
DEFORESTATION IN BRAZILIAN AMAZON
Authors: Ângelo, Humberto
Sá, Silvio Pedreira Pereira de
Assunto:: desmatamento
indústria madeireira
exploração
deforestation
wood-using industries
exploration
Issue Date: 2007
Publisher: Universidade Federal de Santa Maria
Citation: Ciênc. Florest.,v.17,n.3,p.217-227,2007
Abstract: RESUMO O processo de ocupação da Amazônia desencadeou uma série de fatores indutores do desflorestamento, dos quais pode-se citar a expansão da pecuária e fronteira agrícola, a indústria madeireira, os projetos de colonização, a abertura de novas estradas e outras infra-estruturas, o sistema de concessão de direito de posse, o aumento populacional, a especulação por terras, o crescimento econômico regional, entre outros. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de diversos fatores socioeconômicos no processo de desflorestamento da floresta amazônica, utilizando-se uma série temporal de 1980 a 1999. As variáveis analisadas foram: o desflorestamento bruto na região Norte, o preço do boi gordo, o efetivo do rebanho bovino, a produção de madeira em tora de floresta nativa, a produção da indústria madeireira, a extensão da malha viária, o Produto Interno Bruto (PIB), o Índice Geral de Preços (IGP), a população da região, o crédito rural, o preço médio da terra, o preço médio da terra para uso agrícola e o preço médio da terra para uso pecuário. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística utilizando-se os métodos de análise de correlação, análise multivariada em componentes principais e análise de regressão simples. Os resultados mostraram que o desflorestamento é influenciado pela produção de madeira em toras, o aumento da população na região Norte, a produção de madeira serrada, a extensão da malha viária e o efetivo do rebanho bovino regional.
ABSTRACT The process of occupation in Amazon stimulated lots of factors that induced deforestation. These factors are cattle ranching and agriculture, logging, settlement projects, the opening of new roads, land property rights, populational growth, land speculation, economic growth, and others. This study had the objective of evaluating the influence of many social-economics factors in the deforestation process in Brazilian Amazon, during 1980 and 1999. The variables of the model are deforestation in the Northern region of Brazil, price of cattle meat, cattle heerd in Northern region, production of round wood from native forest, production of timber industry, extension of roads in the Northern region, PIB, IGP, population, rural credit and benefits, average of land prices, average of land prices for agriculture, average of land prices for pasture. The data set was submitted to some statistical analysis, like correlation analysis, main components analysis and linear regression analysis. Results showed that the major factor affecting deforestation is the production of round wood, but the origin of the timber had not been identified, if it’s legal or not, from clearing forest or sustainable management. After this, considering the order of importance population growth, productions of sawn wood, roads and cattle herd.
DOI: https://dx.doi.org/10.5902/198050981953
Appears in Collections:Uso interno - em processamento

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/27129/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.