Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/2618
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao Luciene Luiza Rezende.pdf419,95 kBAdobe PDFView/Open
Title: Teste de memória de relatos : elaboração de um instrumento para seleção de policiais
Authors: Rezende, Luciene Luiza
Orientador(es):: Pasquali, Luiz
Assunto:: Teste psicológico
Memória de relatos
Inferência
Issue Date: 2006
Citation: REZENDE, Luciene Luiza. Teste de memória de relatos: elaboração de um instrumento para seleção de policiais. 2006. 87 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2006.
Abstract: Considerando o contexto policial, construiu-se um teste psicológico para medir memória de relatos. As bases teóricas que embasaram a construção do teste foram o Paradigma do Falso Testemunho, teoria estudada no contexto criminológico, e a literatura sobre Representações Baseadas no Significado. O teste construído é composto de um relato de uma história, que os sujeitos deveriam memorizar, para posteriormente responder a itens referentes àquele relato, numa avaliação do tipo reconhecimento, ou seja, julgamento dos itens em termos de verdadeiro ou falso. Os itens elaborados foram submetidos à análise de juízes, avaliação semântica e em seguida foram aplicados a 319 sujeitos. Os dados coletados foram submetidos à análise estrutural e foram encontrados dois componentes: memória e inferência. O KMO foi 0,81 e os alfas de Cronbach foram, respectivamente, 0,83 e 0,66. Também foi realizada uma análise de regressão utilizando o método enter para cada um dos componentes, levando-se em conta os dados das variáveis demográficas e de autopercepção coletados. Os resultados mostram uma correlação negativa significativa entre os componentes memória e inferência e a variável autopercepção geral da memória. _____________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Considering the police context, a psychological test was built to measure memory of reports. The theoretical basis for the tests` construction were the Eyewitness Testimony Paradigm, which was analised on a criminological context, and the Meaning Based Representation literature. According to the test, after the narration of a story, the subjects should answer some questions about what they heard, on an avaliation sort as recognition, that is, judging the itens only as right or wrong. All the itens were submitted to judges` analysis, semantics evaluation, and then applied to 319 subjects. The collected data was submited to a strutural analysis and two components were found: memory and inference. The KMO was 0,81 and the alphas of Cronbach were, respectively, 0.83 and 0.66. A regression analysis was also realized to each of the components using the enter method. The predictive variables were the elements collected from demographical variables and self perception. The results showed a negative and significant correlation between the components memory and inference and the variable of general self perception of memory.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2006.
Appears in Collections:IP - Mestrado em Psicologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/2618/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.