Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/2574
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_MarcelTaminato.PDF6,83 MBAdobe PDFView/Open
Title: A poética das cores : memórias passadas e histórias presentes : uma etnografia na Embaixada Real da Tailândia
Authors: Taminato, Marcel
Orientador(es):: Peirano, Mariza Gomes e Souza
Assunto:: Etnologia - Tailândia
Budismo - Tailândia - aspectos políticos
Serviço diplomático e consular - Tailândia
Antropologia
Issue Date: 27-Apr-2007
Citation: TAMINATO, Marcel. A poética das cores: memórias passadas e histórias presentes: uma etnografia na Embaixada Real da Tailândia. 2007. 130 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: A tríade elementar, Realeza, Budismo e o sentimento de pertencimento à Nação, marcou profundamente o período em que morei em Bangkok. Esta tríade em conjunto estabelecia na vida dos tailandeses as marcas definidoras do seu processo de identificação, correspondentes a cada cor da bandeira nacional: azul, branco e vermelho. Trazidos pela memória como pilares de estruturação de uma totalidade vivenciada com os tailandeses, esta dissertação buscou transformar minha experiência passada de vida em horizontes de uma pesquisa etnográfica - pesquisa com o objetivo de compreender como a combinação destas três cores eram vividas pelos tailandeses na Embaixada Real da Tailândia no Brasil e quais os tons que essas cores ganhavam neste outro contexto. As cores da bandeira, enquanto expressões semânticas de unidade e continuidade histórica do único país não colonizado do Sudeste Asiático se transformaram em índice etnográfico na sua dimensão pragmática. Foi esta possibilidade de fazer uma composição da estrutura verbal ou sequência textual por meio das cores que definiu a "função poética" desta dissertação. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The triad, Royalty, Buddhism and the feeling of being part of the Thai Nation, marked deeply my life in Bangkok. These three paradigms, in set, established the defining marks in the thai identification process. They are also correspondent to each color of the thai national flag: blue, white and red. This dissertation looks toward to put my past experience into horizons of an ethnographic research. As the main objective I tried to understand the combination of these three colors in the life of thai people in the Royal Thai Embassy in Brazil. The colors of the flag, while semantic expressions of unit and historical continuity of the only country in Southeast Asia which was not colonized, are transformed into an ethnographic index in its pragmatic dimension. It was this possibility to make a composition of the verbal structure or literal sequence through the colors that the “poetic function” of this dissertation is defined.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Antropologia, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, 2007.
Appears in Collections:DAN - Mestrado em Antropologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/2574/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.