Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/25332
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_AlanSaulodaCostaMazuco.pdf7,31 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Percepções de práticas ágeis em desenvolvimento de software : benefícios e desafios
Autor(es): Mazuco, Alan Saulo da Costa
Orientador(es): Almeida, Rodrigo Bonifácio de
Assunto: Metodologia ágil
Engenharia de software
Manifesto Ágil
Data de publicação: 1-Dez-2017
Data de defesa: 4-Ago-2017
Referência: MAZUCO, Alan Saulo da Costa. Percepções de práticas ágeis em desenvolvimento de software: benefícios e desafios. 2017. xv, 163 f., il. Dissertação (Mestrado Profissional em Computação Aplicada)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: O presente trabalho tem por finalidade apresentar as metodologias e as práticas ágeis mais comumente utilizadas nas indústrias de software, sua evolução desde o Manifesto Ágil até os dias atuais, fatores de sucesso, possibilidades e limitações. Mostra que existem várias evidências do crescimento dessas práticas nos últimos anos e que a comunidade acadêmica vem realizando vários estudos para mostrar empiricamente que elas podem ajudar no processo de desenvolvimento de software. Apresenta uma fundamentação teórica embasada em um estudo terciário considerando vários artigos a respeito da utilização de práticas ágeis na comunidade científica. As práticas são apontadas à luz de pesquisa de campo referentes às metodologias DSDM, Crystal, FDD, Lean, Kanban, XP e Scrum, consideradas as metodologias ágeis mais atuantes hoje, sob a ótica das evidências metodológicas, casos de sucesso e principais desafios e situações. Apresenta também os resultados de uma pesquisa de campo realizada em indústrias de software no Distrito Federal e entorno, trazendo novas informações para profissionais da Engenharia de Software, em um esforço para mostrar essas tecnologias e apontar a sua evolução, bem como seus benefícios e desafios. Os resultados da pesquisa mostram que as metodologias ágeis continuam a ser de interesse para os pesquisadores no futuro e que diversos projetos, hoje em andamento nas indústrias, vêm cooperar com a investigação apresentando um estudo importante para a Engenharia de Software.
Abstract: This study aims to present the methodologies and agile practices, their evolution since the Agile Manifesto to the present day, success factors, possibilities and limitations. It presents several evidences about the growth of agile practices that have occurred in recent years, and that the academic community has been conducting several studies that empirically show that these practices help in the software development process. It presents a theoretical framework grounded in a tertiary study considering several articles on the use of agile practices in the scientific community. The practices are identified in the light of empirical research related to methodologies, such as DSDM, Crystal, FDD, Lean, Kanban, XP and Scrum, considered the most active agile methodologies today, from the perspective of methodological evidence, case studies and key challenges and situations. Here we also present the results of a field research carried out in several software industries in Federal District - Brazil and surroundings, bringing new information for software engineering practitioners, in an effort to show these technologies and point their evolution as well as its benefits and shortcomings, and paint a frame with the picture of them on the Brazilian software industry. The results of our survey shows that agile methodologies continue to be of interest to researchers in the future and that many projects currently in progress in industries, come cooperate with the investigation presenting an important study for Software Engineering.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Exatas, Departamento de Ciência da Computação, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:MPCA - Mestrado Profissional em Computação Aplicada (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.