Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/25312
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_RafaelCastanheiraPedrosodeMoraes.pdf38,18 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Rupturas na fotografia brasileira : a poética engajada de Claudia Andujar, Miguel Rio Branco e Mario Cravo Neto
Autor(es): Moraes, Rafael Castanheira Pedroso de
Orientador(es): Jordan, Susana Madeira Dobal
Assunto: Fotografia documentária
Arte
Documentos - avaliação
Data de publicação: 1-Dez-2017
Referência: MORAES, Rafael Castanheira Pedroso de. Rupturas na fotografia brasileira: a poética engajada de Claudia Andujar, Miguel Rio Branco e Mario Cravo Neto. 2017. 358 f., il. Tese (Doutorado em Comunicação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: Esta tese faz uma revisão história do termo “documental” enquanto gênero fotográfico a fim de colocar em perspectiva os diferentes sentidos que ele adquire ao longo do século XX. Como tal termo origina-se da palavra documento, analisamos primeiramente o duplo significado original e moderno de ensino e prova a ela atribuído, bem como as nuances na associação entre estes diferentes significados e a fotografia. Se este medium, em seus primórdios, foi predominantemente usado no campo da ciência e da investigação como um tipo de documento visual de caráter testemunhal e probatório, o posterior reconhecimento da sua linguagem e das suas qualidades formais o aproximaram do campo da arte, o que implicou novos entendimentos sobre os seus valores documentais e estéticos. Assim, as transformações por que passou a chamada “fotografia documental” e as suas repercussões no Brasil na segunda metade do século XX foram analisadas nesta pesquisa a partir das obras de Claudia Andujar, Miguel Rio Branco e Mario Cravo Neto com o propósito de avaliar o papel destes três fotógrafos no processo tanto de questionamento deste gênero quanto de renovação das práticas de documentação desenvolvidas no país. Para dimensionar a importância de suas participações em tal processo, foram selecionados dois livros de cada autor: Yanomami (1980) e duas séries de A vulnerabilidade do ser (2005) de Andujar, Dulce Sudor Amargo (1985) e Silent Book (1998) de Rio Branco e, por fim, Bahia (1980) e Laróyè (2000) de Cravo Neto. A análise destas publicações mostrou que os seus autores, ao ampliarem as possibilidades de produção e, sobretudo, de uso do documento fotográfico a partir de estratégias técnicas, estéticas e conceituais que mais se aproximam daquelas adotadas em projetos de caráter artístico, romperam não com a documentação em si, mas com os seus modelos tradicionais baseados tanto na ideia de fotografia como reprodução da realidade como no conceito de “fotografia documental” que, a despeito da pluralidade de seus sentidos, foi, em princípio, fortemente associada à imprensa ilustrada e à prática da reportagem social – o que marcou, portanto, um período singular na história da fotografia brasileira.
Abstract: This thesis makes a historic review of the term “documentary” as a photographic genre, in order to put in perspective the different meanings it acquired throughout the 20th century. Since the term derives from the word document, we first analyze the original and modern double meaning of teaching and testing assigned to it, as well as nuances in the association of these different meanings and photography. If this medium, in its early days, was mainly used in the scientific and investigatory field as a type of visual document of testimonial and probative character, the posterior recognition/acceptance of its language and formal qualities brought it closer to the artistic field, which implied in new understandings about its documentary and aesthetic values. Thus, the changes which "documentary photography" went through and its repercussions in Brazil in the second half of the 20th century were analyzed in this research. The works by Claudia Andujar, Miguel Rio Branco and Mario Cravo Neto were investigated in this research with the purpose of assessing the role of these three photographers in the process of both questioning this genre and contributing for the renewal of the documentary practices developed in the country. In order to evaluate the importance of their participation in such process, two books of each author were selected: Yanomami (1980) and two series of A vulnerabilidade do ser (2005) by Andujar; Dulce Sudor Amargo (1985) and Silent Book (1998) by Rio Branco; and, finally, Bahia (1980) and Laróyè (2000) by Cravo Neto. The analysis of these publications showed that when the production possibilities and the use of the photographic document – especially deriving from technical, aesthetic and conceptual strategies that are closer to the ones used in artistic projects – were increased, these photographers ruptured not with the documentation per se, but with its traditional models based in both the idea of photography as reproduction of reality and in the concept of “documentary photography”. Concept which, despite its plurality of meanings, was at first heavily associated to the illustrated press and to the practice of social report, thus, marking a unique period in the history of the Brazilian photography that is now reconfigured by different photographers and artists such as the crucial three names considered in these thesis.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, Programa de pós-graduação em Comunicação, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FAC - Doutorado em Comunicação (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.