Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/25240
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_FabianaAraújoFigueiredodaMata.pdf1,6 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Síndrome da fragilidade : aspectos conceituais, prevalência e análise de dados longitudinais
Autor(es): Mata, Fabiana Araujo Figueiredo da
Orientador(es): Pereira, Maurício Gomes
Coorientador(es): Gomes, Marília Miranda Forte
Assunto: Envelhecimento - aspectos fisiológicos
Epidemiologia
Idosos - doenças
Síndrome da fragilidade em idosos
Data de publicação: 21-Nov-2017
Referência: MATA, Fabiana Araujo Figueiredo da. Síndrome da fragilidade: aspectos conceituais, prevalência e análise de dados longitudinais. 2017. 106 f., il. Tese (Doutorado em Ciências Médicas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: Esta tese está dividida em três capítulos e versa sobre a síndrome da fragilidade em idosos, condição cada vez mais investigada nas últimas décadas. A crescente quantidade de informações disponíveis na literatura é traduzida em grande variedade de modelos conceituais, definições e formas de manifestação relativas à fragilidade. O primeiro capítulo da tese estrutura essas informações para que haja maior entendimento da síndrome. Uma vez que o envelhecimento populacional ocorre de modo acelerado em países de renda média e pouco tem sido estudado sobre a síndrome da fragilidade nestas regiões, o segundo capítulo estima a prevalência da fragilidade em idosos da América Latina e Caribe por meio de revisão sistemática e de meta-análise. As estimativas calculadas nesse capítulo concluíram que há uma elevada proporção de idosos frágeis na região. Dessa forma, países latino-americanos e caribenhos precisam rever seus sistemas social e de saúde para atender as novas demandas de uma população mais idosa. O terceiro capítulo investiga por meio da análise de dados longitudinais se a presença de sintomas depressivos é fator de risco para a ocorrência da fragilidade em idosos residentes no município de São Paulo. A análise não confirma a associação entre sintomas depressivos e fragilidade, embora tal relação seja descrita por parte da literatura científica. Assim, recomenda-se que mais estudos sobre o tema sejam realizados para que a fragilidade seja melhor compreendida e definida ou como uma síndrome puramente física ou também psicossocial.
Abstract: This thesis is divided in three chapters about the frailty syndrome in older people - a health condition that has been more and more investigated over the last decades. The growing amount of information available in the literature results in a great deal of conceptual models, definition and ways of manifestation related to frailty. The first chapter in this thesis organizes this information in order to improve the understanding on the syndrome. As the population ageing process is accelerated in medium income countries and there is lack of studies regarding frailty in these regions, the second chapter estimates the prevalence of frailty in older people from Latin America and the Caribbean through a systematic review and metaanalysis. The estimates from this chapter showed an elevated proportion of frail older people in the region. Therefore, Latin American and Caribbean countries need to review their social and healthcare systems to meet new demands from an older population. The third chapter investigates through longitudinal analysis whether depressive symptoms are risk factors for frailty in older people from São Paulo. The analysis does not confirm the association between depressive symptoms and frailty, even though this association is described by part of the literature. We recommend the conduction of more studies about frailty so as frailty can be better comprehended and defined either as a pure physical syndrome or as a physical and psychosocial one.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FMD - Doutorado em Ciências Médicas (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.