Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/25227
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_GiovanniSilvaBeviláqua_RESUMO.pdf8,11 kBAdobe PDFView/Open
2017_GiovanniSilvaBeviláqua.pdf2,18 MBAdobe PDFView/Open
Title: Um modelo DSGE para análise de desigualdade de renda
Authors: Beviláqua, Giovanni Silva
Orientador(es):: Andrade, Joaquim Pinto de
Assunto:: Modelos DSGE
Desigualdade de renda
Macroeconomia
Issue Date: 20-Nov-2017
Citation: BEVILÁQUA, Giovanni Silva. Um modelo DSGE para análise de desigualdade de renda. 2017. vii, 62 f. il. Tese (Doutorado em Economia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: Esta tese de doutorado apresentada à Universidade de Brasília consiste na construção de um modelo Dinâmico de Equilíbrio Geral e Estocástico (DSGE) para analisar os efeitos da desigualdade de renda na economia brasileira. O modelo corresponde em uma aplicação para o Brasil do modelo desenvolvido por Kumhof and Ranciere (2010) e modificado por Troch (2014). O modelo irá caracterizar dois agentes heterogêneos que diferem entre si por suas preferências intertemporais e pela propriedade de capital na economia. Desta forma, empregamos a já consagrada modelagem DSGE par a análise de um dos problemas socioeconômicos mais relevantes de nosso tempo e pretendemos estudar como a desigualdade subjacente se manifesta em desigualdade de renda e consumo na economia e quais são os possíveis impactos sobre outras variáveis macroeconômicas e como a desigualdade de renda pode ser significativamente afetada pelas condições macroeconômicas. Adicionalmente, estaremos interessados no papel da política fiscal, empreendida pelo governo, em conter os possíveis efeitos negativos da desigualdade.
Abstract: This doctoral thesis presented to the University of Brasília consists of the construction of a Dynamic Stochastic General Equilibrium (DSGE) model to analyze the effects of income inequality in the Brazilian economy. The model corresponds in an application to Brazil of the model developed by Kumhof and Ranciere (2010) and modified by Troch (2014). The model will characterize two heterogeneous agents that differ by their intertemporal preferences and the ownership of capital in the economy. In this way, we use the already established DSGE modeling to analyze one of the most relevant socioeconomic problems of our time and intend to study how the underlying inequality is manifested in income inequality and consumption in the economy and what are the possible impacts on other macroeconomic variables and As income inequality can be significantly affected by macroeconomic conditions. In addition, we will be interested in the role of fiscal policy, undertaken by the government, in containing the possible negative effects of inequality.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Departamento de Economia, Brasília, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ECO - Doutorado em Economia (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/25227/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.