Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24891
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_LuizCarlosdaSilvaOliveira.pdf13,42 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Práticas organizacionais, identidade e desempenho profissional na polícia militar do estado de Goiás
Autor(es): Oliveira, Luiz Carlos da Silva
Orientador(es): Souza, Eda Castro Lucas de
Assunto: Prática administrativa
Policial militar
Identidade profissional
Desempenho profissional
Cultura organizacional
Data de publicação: 25-Out-2017
Referência: OLIVEIRA, Luiz Carlos da Silva. Práticas organizacionais, identidade e desempenho profissional na polícia militar do estado de Goiás. 2017. xviii, 353 f., il. Tese (Doutorado em Administração)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: A presente tese tem como objetivo identificar a influência das práticas, valores organizacionais e das identidades profissional e organizacional sobre o desempenho profissional no serviço policial militar. O marco teórico abordou os conceitos de cultura e cultura organizacional, valores e práticas organizacionais, identidade profissional e organizacional e desempenho profissional no trabalho. O locus da pesquisa foi a Polícia Militar do Estado de Goiás e envolveram as unidades policiais de direção e apoio em Goiânia, os comandos regionais considerados órgãos de execução localizados nas mesorregiões: centro, leste, noroeste, norte e sul goiano. A amostra final foi de 1.102 policiais militares de todos os níveis hierárquicos. O modelo teórico desta tese foi composto por construtos latentes, práticas e valores organizacionais, identidade profissional e organizacional, desempenho profissional e as variáveis observáveis para cada construto. A pesquisa teve abordagem quantitativa e adotou-se a modelagem de equações estruturais para explicar o relacionamento entre as variáveis e confirmar o modelo teórico proposto. Os resultados sugerem que práticas organizacionais não tem influência direta e positiva sobre o desempenho profissional por competência técnica e comportamental, mas influencia direta e positiva a identidade profissional e organizacional. Os valores organizacionais têm influência direta e positiva no desempenho profissional, assim como na identidade profissional e organizacional. O estudo também confirmou que as identidades organizacional e profissional estabelecem relações de mediação (simples) entre os valores e as práticas organizacionais sobre o desempenho profissional. Ao final, abordam-se as contribuições teóricas e gerenciais da tese, assim como suas limitações e a proposição de uma agenda de pesquisa.
Abstract: This thesis aims to identify the influence of practices, organizational values and professional and organizational identities on professional performance in the military police service. The theoretical framework addressed the concepts of culture and organizational culture, organizational values and practices, professional and organizational identity, and professional performance at work. The locus of the research was the Military Police of the State of Goiás and involved the police units of direction and support in Goiânia, the regional commandos considered execution organs located in the mesoregions: center, east, northwest, north and south of Goiás. The final sample was 1.102 military police officers of all hierarchical levels. The theoretical model of this thesis was composed of latent constructs, practices and organizational values, professional and organizational identity, professional performance and observable variables for each construct. The research had a quantitative approach and it was adopted the modeling of structural equations to explain the relationship between the variables and to confirm the proposed theoretical model. The results suggest that organizational practices do not have direct and positive influence on professional performance due to technical and behavioral competence, but direct and positive influence on professional and organizational identity. Organizational values have a direct and positive influence on professional performance, as well as professional and organizational identity. The study also confirmed that organizational and professional identities establish (simple) mediation relationships between values and organizational practices about professional performance. At the end, the theoretical and managerial contributions of the thesis, as well as its limitations and the proposal of a research agenda, are discussed.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade e Gestão Pública, Programa de Pós-Graduação em Administração, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:PPGA - Doutorado em Administração (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.