Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24837
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_RenataLizianePassos.pdf1,78 MBAdobe PDFView/Open
Title: “Quem me leva os meus fantasmas?” : para além do fracasso escolar : produções de sentidos subjetivos de estudantes em situação de conflito psicossocial
Authors: Passos, Renata Liziane
Orientador(es):: Tacca, Maria Carmen Villela Rosa
Assunto:: Conflito (Psicologia)
Teoria da subjetividade
Fracasso escolar
Educação - aspectos sociais
Issue Date: 20-Oct-2017
Citation: PASSOS, Renata Liziane. “Quem me leva os meus fantasmas?”: para além do fracasso escolar: produções de sentidos subjetivos de estudantes em situação de conflito psicossocial. 2017. 133 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: A pesquisa realizada buscou compreender os sentidos subjetivos de estudantes com conflitos psicossociais que apresentam fracasso escolar e entender como a produção de sentido participa da constituição subjetiva no percurso de suas experiências escolares. O estudo fundamenta-se na Teoria da Subjetividade de González Rey, em sua perspectiva cultural - histórica, a qual percebe o sujeito não em um lugar isolado, como a escola, mas em uma conjuntura de vida histórica e associada às experiências atuais e ao valor que essas experiências adquirem, fazendo gerar sentidos subjetivos que participam da constituição subjetiva da pessoa. A pesquisa teve como referencial metodológico a abordagem da Epistemologia Qualitativa também de González Rey, na qual o conhecimento científico é compreendido em seu caráter processual e desenvolvido como modelo teórico. Tal proposta metodológica é marcada pela compreensão do conhecimento como uma produção humana e não como apropriação linear da realidade estudada. O campo empírico ocorreu em uma escola da rede pública de ensino do Distrito Federal localizada em uma comunidade considerada em situação de vulnerabilidade social. A pesquisa se iniciou com um grupo de oito estudantes que haviam sido encaminhados à Equipe Especializada de Apoio a Aprendizagem - EEAA por estarem em situação de fracasso escolar e em confrontação com as normas escolares – situação que era justificada pela escola como devido às circunstancias de vida. Posteriormente, dois estudantes de 12 e 13 anos foram selecionados para a realização de estudos de caso. Das análises interpretativas foi possível compreender que as circunstancias de vida, por si só, não geram uma situação de conflito, o que poderia ser uma situação de impacto negativo na aprendizagem. O que se mostrou relevante foi a forma como o indivíduo subjetiva as suas situações de vida. Nessa perspectiva, as diversas produções de sentido do estudante, advindas dos mais diferentes espaços de suas vidas, aparecem nas experiências escolares, expressando-se em diferentes configurações subjetivas, como, por exemplo, a partir de “problemas de comportamento e de aprendizagem”, o que, de forma recorrente, na subjetividade social da escola, acaba por explicar o fracasso escolar desses alunos. A maior contribuição deste trabalho está em compreender que os estudantes, mesmo em situação de conflito psicossocial, apresentam diferentes produções de sentidos subjetivos, e que, ao compreender essas produções e olhar a aprendizagem como um processo subjetivo de funcionamento complexo, a escola pode mudar as relações com os estudantes no ambiente escolar evitando a perpetuação de situações de fracasso.
Abstract: This research is aimed at understanding the subjective senses of students with psychosocial conflicts who have experienced school failure, as well as how this production of sense takes part in the subjective constitution in the course of their school experiences. The study is based on González Rey’s Theory of Subjectivity, on its cultural-historical standpoint, which does not perceive individuals in an isolated place, such as school, but rather in a historical life context associated with current experiences and the value these experiences acquire, thus generating subjective senses that take part in the subjective constitution of individuals. The research also has as methodological reference González Rey’s approach of Qualitative Epistemology, in which scientific knowledge is understood in its procedural nature and developed as a theoretical model. This methodological proposal is marked by the perception of the knowledge as a human production instead of a linear appropriation of the reality that has been studied. The empirical research was carried out in a public school in Federal District (Brazil) located in a community considered socially vulnerable. The research started with a group of eight students that had been referred to the Specialized Team for Learning Support (EEAA) due to being in a situation involving school failure and school rules confrontation – such situation was justified by the school as being a consequence of their life circumstances. Subsequently, two students aged 12 and 13 years old were selected for the conduction of case studies. It was possible to infer, from the interpretative analyses, that life circumstances alone do not create a confrontation situation, which could be a situation involving negative impact on learning. A relevant finding was how individuals subjectivate their life situations. From this perspective, the multiple sense productions of the student, which arise from the several spaces of their lives, appear in their school experiences, manifesting in different subjective configurations, such as, for instance, “behavior and learning problems”, which recurrently end up explaining these students’ school failure in the school’s social subjectivity. The greatest contribution of this work is on understanding that the students, even in psychosocial conflict situations, experience different productions of subjective senses and that, by understanding such productions and perceiving learning as a complex operating subjective process, school can change its relationships with students in the school setting, preventing the perpetuation of failure situations.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/24837/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.