Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24709
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_AdrianodeCarvalhoParanaiba.pdf5,59 MBAdobe PDFView/Open
Title: Metodologia para priorização de projetos de infraestrutura em mobilidade urbana com base na configuração urbana e no escalonamento multidimensional
Other Titles: Methodology for prioritization of infrastructure projects in urban mobiliity based on the urban design and on the multidimensional scaling
Authors: Paranaiba, Adriano de Carvalho
Orientador(es):: Fortes, José Augusto Abreu Sá
Coorientador(es):: Medeiros, Valério Augusto Soares de
Assunto:: Mobilidade urbana - projetos
Configuração urbana
Tomada de decisão
Issue Date: 5-Oct-2017
Citation: PARANAIBA, Adriano de Carvalho. Metodologia para priorização de projetos de infraestrutura em mobilidade urbana com base na configuração urbana e no escalonamento multidimensional. 2017. xv, 135 f., il. Tese (Doutorado em Transportes)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: O objetivo geral desta tese é a proposição de uma metodologia alternativa de análise, avaliação e priorização dos Projetos Diretores de Mobilidade Urbana, capaz de auxiliar a tomada de decisão de investimento, considerando variáveis financeiras, econômicas e espaciais. Recursos escassos do governo defrontados com uma grande demanda por infraestrutura de mobilidade urbana nos municípios brasileiros, a tomada de decisão assume grande importância para os gestores. Foi identificado que não existem critérios claros para a seleção de propostas, isto vem ao encontro das críticas sobre o processo de seleção e priorização dos projetos de mobilidade urbana no Ministério das Cidades, indicando a necessidade de um modelo que possa aperfeiçoar a avaliação das propostas. Questões intrinsicamente econômicas que são apontadas nas atuais metodologias de análise de investimentos e projetos são variáveis de difícil conversão em benefícios financeiros para compor as avaliações financeiras. Neste sentido, a busca de uma metodologia que consiga avaliar variáveis de dimensões distintas, sem incorrer na perda de informações durante o processo de dar valor pecuniário corrobora para a importância do estudo em questão. Para tanto, a metodologia proposta utilizará o Escalonamento Multidimensional como ferramenta de análise multivariada para avaliar e priorizar os projetos usando variáveis econômicas dos projetos, variáveis espaciais da configuração urbana e os modelos de financiamento de cada um dos projetos. As variáveis econômicas tem sua origem na análise econômica presente nos projetos, assim como o modelo de financiamento dos projetos. As variáveis espaciais adquiridas a partir da Teoria a Lógica Social do Espaço ou Sintaxe Espacial permitem avaliar a integração das cidades antes do projeto implantado e simular sua implantação, sendo possível identificar se ocorreram melhoras nas condições da mobilidade urbana. O modelo foi aplicado em um estudo de caso concreto, selecionando projetos apresentados por cidades junto ao Ministério das Cidades, na Secretaria de Mobilidade Urbana, especificamente do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) Mobilidade Grandes Cidades e as cidades selecionadas foram Belém (PA), Brasília (DF), Manaus (AM) e Cuiabá (MT). O uso de Escalonamento Multidimensional aplicando variáveis econômicas, financeiras e espaciais mostrou-se coerente para facilitar a tomada de decisão, seja apontando o melhor projeto, seja identificando quão próximos e/ou distantes estão dos objetivos de determinada política pública. Essa última questão é de importância sem precedentes na administração pública, pois permite que mesmo projetos que se destacam entre os demais não sejam aprovados caso não atendam o conjunto de condições para o alcance dos objetivos propostos nestes programas.
Abstract: The main objective of this thesis is to propose an alternative analysis methodology, assessment and prioritization of the Urban Mobility Head Projects, ready to assist the decision making investment, taking into account financial, economic and spatial variables. Limited resources of the government faced with a heavy demand for urban mobility infrastructure in Brazilian municipalities, the decision making process is extremely important for managers. It has been identified that there are no clear criteria on selecting the proposals, which complies with the critics about the selection process and prioritization of urban mobility projects in the Ministry of Cities, suggesting the need for a model that can improve the evaluation of the proposals. Intrinsically economic issues that are levelled in recent methodologies of investment and project analyses are variables considered hard to be converted into financial benefits to make up the financial evaluation. Therefore, the search for a methodology that can examine variables of different dimensions, without incurring in information loss during the process of attributing monetary value legitimates this study. For this purpose, the methodology proposed will draw on the Multidimensional Scaling as a multi-varied assessment tool in order to evaluate and prioritize the projects using their economic variables, spatial variables of the urban planning and the financial models of each project. The economic variables arise from the economic analysis available in the projects, as well as the projects’ financing models. The spatial variables acquired from the Social Logic of Space Theory or Spatial Syntax allow one to evaluate the cities integration capacity before implanting the project and simulate its deployment, making it possible to identify if any improvements in the urban mobility conditions have occurred. The model was applied in a real case study, selecting projects submitted by the cities along with the Ministry of Cities, in the Urban Mobility Department, in particular from the Plan for Accelerated Growth (PAC) Large Cities Mobility and the elected cities were Belém (PA), Brasília (DF), Manaus (AM) and Cuiabá (MT). The use of Multidimensional Scaling applying economic, financial and spatial variables has proved to be compatible to promote the decision taking, either indicating the best project, or identifying how close and/or distant from the objectives of a particular public policy. This last issue is unprecedentedly important in public administration, since it prevents projects that stand out among others from being approved if they have not met the set of standard conditions for achieving the objectives proposed in such programs.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições:Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ENC - Doutorado em Transportes Urbanos (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/24709/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.