Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24705
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_PauloCesardaCosta.pdf667,1 kBAdobe PDFView/Open
Title: Poesia, paisagem e realidade em Vidas Secas
Authors: Costa, Paulo Cesar da
Orientador(es):: Corrêa, Ana Laura dos Reis
Assunto:: Poesia brasileira
Realismo
Literatura - crítica e interpretação
Vidas secas
Ramos, Graciliano, 1892-1953 - crítica e interpretação
Mendes, Murilo, 1901-1975 - crítica e interpretação
Issue Date: 5-Oct-2017
Citation: COSTA, Paulo Cesar da. Poesia, paisagem e realidade em Vidas Secas. 2014. 75 f. Dissertação (Mestrado em Literatura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: Esta dissertação propõe o estudo de Vidas secas a partir da relação entre poesia e realidade. O ponto de partida deste trabalho foi o poema “Murilograma a Graciliano Ramos”, de Murilo Mendes, por meio do qual se percebe tanto a relação de continuidade e ruptura existente no sistema literário brasileiro, quanto a força poética de Vidas secas, que é extraída por Murilo Mendes e condensada no seu poema, dedicado ao romance e a seu autor. Tendo como hipótese que o poema de Murilo Mendes evidencia a presença da poesia na ficção de Graciliano Ramos, procuramos, neste trabalho, reconhecer na linguagem econômica, na concisão e no silêncio, que caracterizam a composição de Vidas secas, uma força poética que recusa o descritivismo e a representação literária puramente documental, para alcançar uma formulação estética realista, no sentido de ser um reflexo profundo da realidade. Para tanto, analisamos a paisagem poética de Vidas secas e as relações entre poesia e história no romance, considerando que, a partir de uma linguagem condensada e poética, Graciliano Ramos capta a poesia íntima das coisas, da vida dos homens, especialmente do personagem popular, e da história em sua totalidade.
Abstract: This essay proposes the study of Vidas secas from the relationship between poetry and reality. The starting point of this work was the poem "Murilograma a Graciliano Ramos", by Murilo Mendes, through which one can perceive both the relationship of continuity and rupture found in the Brazilian literary system, as the poetic force of Vidas secas, which is extracted by Murilo Mendes and condensed in his poem, dedicated to the novel and its author. In the hypothesis that Murilo Mendes shows the presence of poetry in the fiction of Graciliano Ramos, we seek to recognize the economic language, brevity and silence that characterize the composition of Vidas secas, as a poetic force that refuses literary representation and pure documentary descriptivism, to achieve a realistic aesthetic formulation, in order to become a deep reflection of reality. For this, we analyze the poetic landscape of Vidas secas and the relationships between poetry and history in the novel, whereas from a condensed and poetic language, Graciliano Ramos captures the intimate poetry of things, the life of men, especially the popular character, and the story as a whole.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, Programa de Pós-Graduação em Literatura, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:TEL - Mestrado em Literatura (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/24705/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.