Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24466
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_IsabelaBotelhoHorta.pdf2,01 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorBolaño, César Ricardo Siqueira-
dc.contributor.authorHorta, Isabela Botelho-
dc.date.accessioned2017-09-11T22:23:50Z-
dc.date.available2017-09-11T22:23:50Z-
dc.date.issued2017-09-11-
dc.date.submitted2017-03-06-
dc.identifier.citationHORTA, Isabela Botelho. O desenvolvimento da internet e os grandes bancos: um estudo a partir das iniciativas do Bradesco. 2017. 177 f., il. Dissertação (Mestrado em Comunicação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/24466-
dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, Programa de Pós-Graduação em Comunicação, 2017.pt_BR
dc.description.abstractEsta dissertação investiga a relação entre o desenvolvimento da internet no Brasil e a trajetória da automação bancária no país, a partir da abordagem da Economia Política da Comunicação. O objetivo é entender de que forma a rede mundial de computadores e as tecnologias da informação e da comunicação (TIC) influenciaram o processo de automatização e informatização dos bancos nacionais e, em sentido inverso, como estes buscam direcionar o desenvolvimento da internet no país a partir de seus interesses e necessidades. Para ilustrar esta análise, a dissertação lança luz sobre duas iniciativas de acesso grátis à internet oferecidas pelo banco Bradesco em 1999 e 2014. A partir de tais casos empíricos, também apresentamos na investigação o atual debate a respeito da neutralidade de rede e da permissibilidade de planos Zero Rating, trazidos à tona com a sanção e regulamentação do Marco Civil da Internet.pt_BR
dc.language.isoPortuguêspt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.titleO desenvolvimento da internet e os grandes bancos : um estudo a partir das iniciativas do Bradescopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.subject.keywordBancos - automaçãopt_BR
dc.subject.keywordEconomia políticapt_BR
dc.subject.keywordSistema financeiropt_BR
dc.subject.keywordTecnologia da informaçãopt_BR
dc.rights.licenseA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.pt_BR
dc.description.abstract1This dissertation investigates the relationship between the development of the internet in Brazil and the trajectory of banking automation in the country, based on the approach of the Political Economy of Communication. The objective is to understand how the global computer network and information and communication technologies (ICT) have influenced the process of automation and computerization of national banks and, conversely, how they seek to direct the development of the internet in the country, from ther interests and needs. In order to illustrate this analysis, the dissertation sheds light on two initiatives of free internet access offered by Bradesco Bank in 1999 and 2014. From these empirical cases, we also present in the investigation the current debate about net neutrality and permissibility of Zero Rating plans, brought to light with the sanction and regulation of the Marco Civil da Internet.pt_BR
Aparece nas coleções:FAC - Mestrado em Comunicação (Dissertações)

Mostrar registro simples do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.