Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24344
Título: "É uma batalha de narrativas" : os enquadramentos de ação coletiva em torno do impeachment de Dilma Rousseff no Facebook
Autor(es): Dias, Tayrine dos Santos
Orientador(es): Bülow, Marisa von
Assunto: Facebook
Organizações civis
Direita e esquerda (Ciência política)
Política - Brasil
Mídia social - Brasil
Rousseff, Dilma, 1947-
Data de publicação: 29-Ago-2017
Data de defesa: 14-Jun-2017
Citação: DIAS, Tayrine dos Santos. "É uma batalha de narrativas": os enquadramentos de ação coletiva em torno do impeachment de Dilma Rousseff no Facebook. 2017. 120 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciência Política)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: A campanha pelo impeachment de Dilma Rousseff levou milhares de brasileiros às ruas e foi intensamente debatida online, entre novembro de 2014 e agosto de 2016. Organizações da sociedade civil foram relevantes para mobilizar adeptos e convocar protestos, nas ruas e as mídias sociais. O Facebook foi arena política: as páginas públicas dessas organizações foram usadas para comunicar narrativas e significados que legitimaram e justificaram suas ações. Movimento Brasil Livre, Movimento Endireita Brasil, NasRuas, Revoltados ON LINE e Vem Pra Rua Brasil utilizaram suas páginas para construir enquadramentos de ação coletiva. Ainda que façam parte do mesmo campo organizacional e identitário e tenham atuado no mesmo contexto político, os enquadramentos elaborados atribuem significados distintos a quais são os problemas, culpados, soluções e apelos motivacionais. Esta dissertação propõe argumentos exploratórios a partir da seguinte pergunta de pesquisa: Quais dimensões da prática contenciosa explicam os enquadramentos diagnósticos, prognósticos e motivacionais produzidos por organizações da sociedade civil no Facebook? O desenho de pesquisa é de estudos de caso comparados dos usos das páginas do Facebook de cinco organizações da sociedade civil atuantes durante a campanha pró- impeachment. Foram realizadas coleta de dados das páginas do Facebook, entrevistas em profundidade e pesquisa secundária por reportagens e documentos produzidos pelas organizações. Empregamos análise de conteúdo das postagens no Facebook das cinco organizações e análise das entrevistas e reportagens. Os enquadramentos mais frequentes apontaram a corrupção, mentiras e má gestão como problemas, cujos culpados são PT, Dilma e Lula, e cuja solução era o impeachment. Os argumentos exploratórios sugeridos nesta dissertação indicam que as trajetórias, relações, posições político-ideológicas e estratégias e táticas das organizações explicam as semelhanças e diferenças encontradas nos enquadramentos de ação coletiva, em um contexto de instabilidade política e institucional.
Abstract: Dilma Rousseff's impeachment campaign led thousands of Brazilians to the streets. It was a highly debated topic online, between November 2014 and August 2016. Civil society organizations were relevant to mobilize adepts and to call for protests on the streets and on social media platforms. Facebook was a political arena: the public pages of those organizations were used to communicate narratives and meanings that legitimized and justified their actions. Movimento Brasil Livre, Movimento Endireita Brasil, NasRuas, Revoltados ON LINE and Vem Pra Rua Brasil used their pages to build collective action frames. Even though these groups are part of the same organizational and identity field, and acted upon the same political context, the frames created form distinct meanings of problems, those to blame, solutions and motivational pleas. This dissertation proposes exploratory arguments to answer the following research question: Which dimensions of the contentious practice explain the diagnostic, prognostic and motivational frames produced by civil society organizations on Facebook? The research design is that of comparative case studies of the use of Facebook pages by five civil society organizations engaged during the pro-impeachment campaign. We collected data from their Facebook pages and conducted in-depth interviews. Moreover, secondary research was carried out through pieces of news and documents produced by these organizations. We employed content analysis of the Facebook messages posted by the five organizations and we performed analysis of interviews and pieces of news. The most recurrent diagnostic frames were corruption, lies and mismanagement. PT, Rousseff and Lula were those to blame for these problems, and the solution was the impeachment. The exploratory hypotheses suggested in this dissertation indicate that the trajectories, relations, the political-ideological positions, strategies and tactics of organizations explain the similarities and differences found in collective action frames, in a context of political and institutional instability.
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciência Política, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IPOL - Mestrado em Ciência Política (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_TayrinedosSantosDias.pdf2,03 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.