Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/24224
Título: Padrões ecológicos da comunidade zooplanctônica antes e após a construção de um reservatório hidrelétrico tropical
Autor(es): Py-Daniel, Sarah Sampaio
Orientador(es): Vieira, Ludgero Cardoso Galli
Assunto: Reservatório tropical
Monitoramento ambiental
Ecossistema aquático
Data de publicação: 22-Ago-2017
Data de defesa: 20-Fev-2017
Referência: PY-DANIEL, Sarah Sampaio. Padrões ecológicos da comunidade zooplanctônica antes e após a construção de um reservatório hidrelétrico tropical. 2017. [82] f., il. Dissertação (Mestrado em Ecologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: Esta dissertação avaliou alguns padrões ecológicos correspondentes à comunidade zooplanctônica ao longo do monitoramento da formação do reservatório Serra do Facão, no rio São Marcos (julho de 2007 a junho de 2010). O rio São Marcos, pertencente à bacia do rio do Prata, apresentava uma vazão média de 1.290,8 m3 /s e agora possui uma área inundada de 232,370 km2 com capacidade de gerar 210 megawatts de energia. A comunidade zooplanctônica (cladócero, copépode, rotífero e tecameba) e as variáveis ambientais limnológicas foram coletadas bimestralmente na área de influência da usina hidrelétrica, desde montante da área de remanso do reservatório até 1 km jusante do canal de fuga da usina (16 pontos amostrais). Os principais resultados evidenciam que (1) os valores encontrados para concordância entre grupos e para sincronia populacional podem variar ao longo das campanhas de amostragem, principalmente, entre as fases da implantação da barragem (antes e após a formação do reservatório hídrico); (2) nenhum dos grupos taxonômicos analisados foi indicativo entre si (concordantes) inviabilizando o uso de grupos susbtitutos no monitoramento do reservatório; (3) a redução da resolução numérica e taxonômica se apresentou satisfatória independente da fase de implantação em que o reservatório se encontra, o que pode otimizar o tempo das análises das amostras do monitoramento ambiental; (4) as flutuações populacionais dos grupos zooplanctônicos apresentaram baixa sincronia ao longo do tempo podendo chegar à assincronia, porém (5) a regulação destas flutuações não são decorrentes das variações ambientais e nem da dispersão populacional, o que inviabiliza a redução do esforço amostral e a predição da comunidade zooplanctônica com base nesses dois mecanismos.
Abstract: This dissertation evaluated some ecological patterns correspondent to zooplanktonic community along monitoring of the construction of Serra do Facão reservoir in São Marcos river (2007 July to 2010 June). São Marcos river, belonging to Prata river basin, had an average flow of 1.290,8 m³/s and now have a flooded area of 232,370 km² with capacity to generate 210 megawatts of energy. Zooplanktonic community (cladocera, copepod, rotifer and testate amoebae) and limnological environmental variables were bimonthly collected in the area of hydroelectric power plant influence, from upstream of the reservoir to 1km downstream of power plant’s escape channel (16 points). The most relevant results showed that (1) the values observed for concordance between groups and for populational synchronization can vary over sampling campaigns, mostly between dam’s construction phases (before and after hydric reservoir formation); (2) none of analyzed taxonomic groups were indicative among themselves (concordant) making it impossible to use surrogates groups on reservoir monitoring; (3) the reduction of numerical and taxonomic resolution was satisfactory independent of which phase the reservoir formation was, which optimizes the analyses time in environmental samples; (4) population fluctuations of zooplanktonic groups presented low synchrony over time which could reach to asynchrony, however (5) regulation of this fluctuations is neither due to environmental variations, nor to populational dispersion, which make impossible reduction of sample effort and prediction of zooplanctonic community based on these two mechanisms.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Ecologia, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:ECL - Mestrado em Ecologia (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_SarahSampaioPy-Daniel.pdf1,93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.