Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/23928
Título: Efeitos do fogo sobre o banco de sementes de gramíneas exóticas invasoras e sobrevivência de plântulas arbóreas em áreas em restauração no Cerrado
Autor(es): Tinoco, Carla Faleiro
Orientador(es): Schmidt, Isabel Belloni
Assunto: Sementes - armazenamento
Gramínea
Fogo - Cerrados
Solos - manejo - Cerrados
Data de publicação: 27-Jul-2017
Data de defesa: 14-Mar-2017
Referência: TINOCO, Carla Faleiro. Efeitos do fogo sobre o banco de sementes de gramíneas exóticas invasoras e sobrevivência de plântulas arbóreas em áreas em restauração no Cerrado. 2017. xii, 82 f., il. Dissertação (Mestrado em Ecologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: O sucesso de esforços de restauração no Cerrado depende de técnicas de controle de gramíneas africanas bem como do estabelecimento de espécies nativas. O fogo pode facilitar o início do processo de restauração antes do preparo do solo em áreas invadidas por gramíneas exóticas, mas após o plantio de espécies nativas sua ocorrência pode causar mortalidade ou atraso no crescimento de plântulas. Neste trabalho, estudamos efeitos do fogo em duas etapas distintas da restauração. Testamos como diferentes intensidades de preparo do solo envolvendo fogo e gradeamento afetam o banco de sementes de Urochloa spp.. Para isto, coletamos 160 amostras de solo em oito tratamentos em abril/2016, estas amostras de solo permaneceram em casa de vegetação com irrigação por seis meses. A densidade de plântulas de Urochloa spp. variou de 100 a 9 sementes/m², tento sido mais reduzida no tratamento com duas gradagens do solo. A queima recente (abril/2016) estimulou a germinação de sementes do banco e pode ser técnica útil para o manejo das espécies invasoras, desde que associado ao gradeamento do solo. Avaliamos também efeitos do fogo sobre a sobrevivência e crescimento de plântulas de 20 espécies lenhosas com dois e três anos de idade. O fogo causou baixa mortalidade, que foi foi fortemente determinada pela espécie, independente da idade e tratamento. Quase todas as plantas queimadas perderam a parte aérea (topkill) e rebrotaram a partir da raiz, apresentando redução de altura um ano após a queima em comparação com plantas não queimadas. Sugerimos um manejo intensivo e integrado de gramíneas exóticas, incluindo fogo e gradagens repetidas e seleção de espécies resistentes ao fogo para aumentar as chances do sucesso de programas de restauração ecológica de savanas.
Abstract: The success of ecological restoration in the Cerrado depends on control techniques of African grasses and on the establishment of native species. Fire can facilitate the beginning of the restoration process during soil preparation in areas invaded by invasive grasses, but after native plants introduction fire can cause plant mortality or delays in plant growth. We studied fire effects in two distinct restoration stages in Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, GO e na Reserva Biológica da Contagem, DF.We tested how different intensities of soil preparation involving fire and soil plowing affected Urochloa spp.’s seed bank. For that, we collected 160 soil samples in eight treatments in April/2016 and kept them in irrigated in greenhouse for six months. Urochloa spp. seedling densityranged from 100 to 9 seedlings/m², and it was siginificantly reduced by the two soil plowing treatment. A recent fire (April/2016) stimulate seedling emergency and could be a useful technique for invasive grass management, when associated to soil plowing. We also evaluated fire effects on the survival and growth of 2 and 3 years old saplings of 20 woody species. Sapling survival was determined by species and fire cause low mortality rates. Nearly all burnt saplings lost the aerial part (topkill) and resprout from roots and had lower height one year after fire, compared to unburnt plants. We suggest intensive and integrated management of exotic grasses, including fire and repeated soil plowing, and the selection of fire-resistant species to increase the chances of successful ecological savanna restoration programs.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Ecologia, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:ECL - Mestrado em Ecologia (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_CarlaFaleiroTinoco.pdf1,48 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.