Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/23521
Título: Identificação molecular de micro-organismos cultiváveis contaminantes de Diesel A e Diesel B s500
Autor(es): Brunale, Patrícia Portela de Medeiros
Orientador(es): Quirino, Betânia Ferraz
Assunto: Biodiesel - qualidade
Diesel
Biodegradação
Contaminação microbiana
Água
Data de defesa: 23-Fev-2017
Citação: BRUNALE, Patrícia Portela de Medeiros. Identificação molecular de micro-organismos cultiváveis contaminantes de Diesel A e Diesel B s500. 2017. iv, 94 f., il. Dissertação (Mestrado em Tecnologias Química e Biológica)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: Com a crescente demanda mundial de combustíveis e materiais oriundos do petróleo, são necessárias alternativas sustentáveis a fim de minimizar o impacto ambiental. Assim sendo, o biodiesel é uma alternativa para substituição do óleo de diesel fóssil. Biofilmes microbianos são formados nas interfaces óleo/água em tanques de armazenamento contendo a mistura de biodiesel e diesel, diminuindo a qualidade dos combustíveis, o que leva a perdas econômicas e ambientais, pois a combustão não eficiente acarreta na perda de potencia do veiculo e pode aumentar a emissão de gases do efeito estufa (BÜCKER et al., 2014). A contaminação microbiana de combustível pode ocorrer em vários pontos do sistema de distribuição deste, mas é particularmente evidente durante a armazenagem, especialmente se há água livre no reservatório (BÜCKER et al., 2014). É fundamental conhecer os principais contaminantes desses combustíveis para que sejam propostas medidas que possam aliviar esse problema. Atualmente, o monitoramento da qualidade é feito apenas na usina e nos postos de combustiveis. Portanto, a contaminação destes combustiveis pode ocorrer durante o transporte e/ou armazenamento, que é um problema a ser estudado. Neste trabalho, amostras de diesel S 500 foram obtidas em uma distribuidora e uma amostra de diesel S500 + B7 no posto de gasolina. As amostras foram acondicionadas em frascos e transportadas para o laboratório onde foram armazenadas em tanques de 10L para realização do estudo microbiano em condições que mimetizam o armazenamento nos postos de combustiveis. Para a determinação da dinâmica populacional das comunidades microbianas contaminantes por técnicas dependentes de cultivo, as amostras armazenadas em tanque por diferentes tempos foram filtradas e os microrganismos isolados pelo método de isolamento total de bactérias, leveduras e fungos filamentosos. Após cultivo, os microrganismos foram purificados e armazenados, formando um banco de microrganismos contaminantes dos combustíveis. A identificação destes microrganismos foi realizada por abordagem polifásica, baseada na sequencias de genes codificadores de RNA ribossomal (rDNA). Foram encontradas as seguintes espécies prováveis de bactérias: Paenibacillus taichungensis (T), Lysinibacillus macroides (T), Bacillus subtilis, Bacillus safensis, Bacillus toyonensis (T), Bacillus pumilus, Bacillus cereus, Janibacter melonis (T), Bacillus anthracis (T), Bacillus amyloliquefaciens (T), Bacillus tequilensis (T) e Bacillus licheniformis (T). E, foram encontrados os gêneros de fungos: Paecilomyces, Byssochlamys e Aspergillus e as prováveis espécies de Aspergillus fumigatus e tamarii.
Abstract: Given the growing world demand for fuels and materials derived from petroleum which cause great environmental impact, renewable and more environmentaly friendly alternatives are needed. Therefore, biodiesel is a substitute alternative for fossil diesel oil. Microbial biofilms are formed at the oil / water interfaces in storage tanks containing the blend of biodiesel and diesel, reducing fuel quality and increasing economic and environmental losses, because inefficient combustion can causes loss of vehicle power and can increase greenhouse gas emissions (BÜCKER et al., 2014). Microbial fuel contamination can occur at various points in the fuel distribution system, but is particularly evident during storage, especially if there is free water in the reservoir (BÜCKER et al., 2014). It is essential to identify the main microbial contaminants of this biofuel so that effective measures can proposed to alleviate this problem. Currently, this fuel quality is monitored only at the distributor plant and in the fuel stations. Therefore, contamination of this fuel during transportation and storage is a problem that needs to be studied. The S 500 Diesel samples were obtained from the distributor and the S500 + B7 diesel samples were obtained at a gas station. The samples were transported to the lab in flasks, and then stored in 10L tanks that mimicked storage conditions in the gas station to perform the study of microbial contaminants. For the determination of the population dynamics of microbial communities by culture-dependent techniques, the samples from fuel stored for different legths of time were filtered and bacteria, yeasts and filamentous fungi were isolated. After culturing, the microorganisms obtained were purified and stored, forming a bank of microbial contaminants found in fuel. The identification of microoraganisms was performed using a polyphasic approach, based on sequences for ribosomal RNA genes and biochemical. The probable species of bacteria that were found: Paenibacillus taichungensis (T), Lysinibacillus macroides (T), Bacillus subtilis, Bacillus safensis, Bacillus toyonensis (T), Bacillus pumilus, Bacillus cereus, Janibacter melonis (T), Bacillus anthracis (T), Bacillus amyloliquefaciens (T), Bacillus tequilensis (T) e Bacillus licheniformis (T). And, the probable genera of fungi that were found: Paecilomyces, Byssochlamys e Aspergillus, and probables species are Aspergillus fumigates e tamarii.
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Química, Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Química e Biológica, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IQ - Mestrado em Tecnologia Química e Biológica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_PatríciaPorteladeMedeirosBrunale.pdf2,23 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.