Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/23467
Título: Percepção aos enfermeiros acerca do cuidado paliativo
Título(s) alternativo(s): Perception of nurses about palliative care
Enfermeras percepción acerca de los cuidados paliativos
Autor(es): Matos, Johnata da Cruz
Orientador(es): Borges, Moema da Silva
Assunto: Enfermagem
Cuidados paliativos
Enfermeiras e pacientes
Data de publicação: 9-Mai-2017
Data de defesa: 30-Nov-2016
Citação: MATOS, Johnata da Cruz. Percepção aos enfermeiros acerca do cuidado paliativo. 2016. 125 f., il. Dissertação (Mestrado em Enfermagem)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: Introdução: Os cuidados paliativos objetivam a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e seus familiares, ao longo do enfrentamento dos problemas associados à doença que comprometem a continuidade da vida através da prevenção e alívio do sofrimento por meio da identificação precoce e uma avaliação fidedigna e tratamento da dor e demais possíveis problemas físicos, psicossociais e espirituais. Para que ocorram as ações de cuidados paliativos, é necessário a aceitação da finitude da vida, tanto por parte dos pacientes, de seus familiares como também da equipe assistencial, uma vez que o objetivo central é o cuidado, e não mais a cura. Nessa perspectiva, a ideologia dos cuidados paliativos é sustentada na ideia de que não importa qual seja a doença ou o estágio em que a mesma se encontre, sempre há algo que pode ser feito para melhorar a qualidade de vida que ainda resta ao paciente. Objetivo: Analisar a percepção dos enfermeiros acerca do significado dos cuidados paliativos. Método: Estudo exploratório, descritivo de abordagem qualitativa, desenvolvido no Distrito Federal. Foram entrevistados 24 enfermeiros que exerciam atividades em dois Hospitais do DF, um universitário e um público. A coleta de dados foi realizada por meio de dois instrumentos, o primeiro para delinear o perfil dos participantes e o segundo um roteiro de entrevista semiestruturado. A análise de conteúdo do corpus gerado nas entrevistas o software Alceste foi utilizado como auxiliar. Resultados: Da análise das entrevistas dos enfermeiros do Hospital Universitário emergiram dois eixos. O primeiro foi denominado “A prática dos Cuidados Paliativos” e o segundo “Fragmentação dos Cuidados Paliativos” ambos permitiram inferir que a assistência em cuidados paliativos nesse espaço é permeada tanto por aspectos facilitadores quanto por aspectos que a dificultam. A análise de conteúdo das entrevistas dos participantes do Hospital Público também se organizou em dois eixos. O primeiro eixo denominou-se “O cuidado humanizado e o segundo eixo “A enfermagem em Cuidados Paliativos” ambos sugerem que nesse espaço há maior preocupação com a humanização do serviço, e inclui o familiar como um dos eixos estruturantes da assistência. Conclusão: A fala dos enfermeiros desvelou que as vivências de cuidado cotidiano são permeadas por dificuldades de diferentes ordens, incluindo-se o despreparo emocional. Considera-se que a compreensão acerca do significado de cuidados paliativos é influenciado pela falta de preparo, tanto no domínio de conhecimentos técnicos quanto nos aspectos emocionais para lidar com esse tipo de cuidado. É importante ressaltar, que apesar das limitações referidas, identificou-se um esforço dos participantes em ofertar uma assistência de qualidade. Dessa forma, pode-se afirmar que é urgente a implementação de ações educativas voltadas para o preparo dos profissionais com o objetivo de ampliar a percepção sobre cuidados paliativos e qualificar a assistência prestada.
Abstract: Introduction: Palliative care aims to improve the quality of life of patients and their families, throughout the coping with the problems associated with the disease that compromise the continuity of life through the prevention and relief of suffering through early identification and an evaluation Trust and treatment of pain and other possible physical, psychosocial and spiritual problems. In order for palliative care to take place, it is first necessary to accept the finitude of life, both by the patients and their families, as well as by the care team, since the central objective is care, not cure anymore. In this perspective, the ideology of palliative care is supported by the idea that no matter what disease or stage it is in, there is always something that can be done to improve the quality of life that still remains for the patient. Objective: To analyze the perception of nurses with regard to the meaning of palliative care. Method: Exploratory study, descriptive of a qualitative approach, developed in the Federal District. We interviewed 24 nurses who worked in two DF Hospitals, one university and one public. Data collection was done through two instruments, the first to delineate the profile of the participants and the second a semi-structured interview script. The content analysis of the corpus generated in the interviews with Alceste software was used as an auxiliary. Results: From the content analysis of the University Hospital participants two axes. The first axis, called "The practice of Palliative Care" and the second "Fragmentation of Palliative Care" both allowed us to infer that palliative care assistance in this space is permeated both by facilitating aspects and by aspects that make it difficult. The content analysis of the interviews of the participants of the Public Hospital was also organized in two axes. The first axis was called "Humanized care and the second axis" Nursing in Palliative Care "both suggest that in this space there is greater concern with the humanization of the service, and includes the family as one of the structuring axes of care. Conclusion: The nurses' speech revealed that the daily care experiences are permeated by difficulties of different orders, besides the lack of emotional preparation. It is understood that the understanding of the meaning of palliative care can be considered to be hampered by the lack of preparation, both in the field of technical knowledge and in the emotional aspects to deal with this type of care. It is important to emphasize that despite the mentioned limitations, there is an effort of nurses to offer quality care. Thus, it can be affirmed that it is urgent to implement educational actions aimed at the preparation of professionals with the objective of broadening the perception about palliative care and qualify the assistance provided.
Resumen: Introducción: Los cuidados paliativos tiene como objetivo mejorar la calidad de vida de los pacientes y sus familias, a lo largo del los problemas asociados con la enfermedad que comprometen la continuidad de la vida a través de la prevención y el alivio del sufrimiento por medio de la identificación temprana y evaluación fiable y el tratamiento del dolor y otros problemas físicos, psicosociales y espirituales posibles. Para producir las acciones de cuidados paliativos, primero es necesario aceptar la finitud de la vida, tanto por los pacientes y sus familias, así como el equipo de atención, ya que el objetivo principal es el cuidado, y no una cura. En esta perspectiva, la ideología de los cuidados paliativos se sustenta en la idea de que no importa lo que la enfermedad o la etapa en la que se encuentra, siempre hay algo que se puede hacer para mejorar la calidad de vida que le queda al paciente. Objetivo: Analizar la percepción de las enfermeras sobre el significado de los cuidados paliativos. Método: estudio exploratorio, descriptivo de enfoque cualitativo, desarrollado en el Distrito Federal. Se entrevistó a 24 enfermeras que trabajaban en dos hospitales del DF, una universidad y una audiencia. La recolección de datos se llevó a cabo por medio de dos instrumentos, el primero en trazar el perfil de los participantes y de acuerdo a una guía de entrevista semiestructurada. El corpus de análisis de contenido generado en entrevistas el software Alceste se utilizó como auxiliar. Resultados: El análisis del contenido de los participantes en el Hospital Universitario de dos ejes. El primer eje, que se llamó "La práctica de los cuidados paliativos" y el segundo "La fragmentación de los cuidados paliativos" tanto permite inferir que la asistencia en los cuidados paliativos en este espacio está permeado por ambos factores facilitadores como por aspectos tan difícil. El análisis de contenido de las entrevistas de los participantes en el Hospital Público también organizados en dos ejes. El primer eje llamado "La atención humanizada y el segundo eje" Enfermería en Cuidados Paliativos "tanto sugieren que este espacio hay una mayor preocupación por la humanización del servicio, e incluye a la familia como uno de los ejes estructurales de la asistencia. Conclusión: El discurso de las enfermeras que dieron a conocer las experiencias de cuidado diario están permeadas por las dificultades de distintos órdenes, y la falta de preparación emocional. Se considera que la comprensión del significado de los cuidados paliativos se ve obstaculizada por la falta de preparación, tanto en el campo de conocimiento técnico sobre los aspectos emocionales para hacer frente a este tipo de atención. Es importante señalar que a pesar de las limitaciones mencionadas, hay un esfuerzo del personal de enfermería en la prestación de atención de calidad. Por lo tanto, se puede decir que es urgente poner en práctica actividades educativas destinadas a la preparación de profesionales con el objetivo de aumentar la conciencia sobre los cuidados paliativos y calificar la atención..
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Departamento de Enfermagem, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, 2016.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:ENF - Mestrado em Enfermagem (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_JohnatadaCruzMatos.pdf2,44 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.