Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/2343
Título: A agroecologia, a permacultura e o paradigma ecológico na extensão rural : uma experiência no assentamento colônia I – Padre Bernardo – Goiás
Autor(es): Jacintho, Cláudio Rocha dos Santos
Orientador(es): Leonardos, Othon Henry
Assunto: Ecologia agrícola
Agricultura familiar
Extensão rural
Reforma agrária
Sustentabilidade
Ecologia agrícola
Fazendas familiares
Data de publicação: 27-Nov-2009
Data de defesa: Jan-2007
Citação: JACINTHO, Cláudio Rocha dos Santos. A agroecologia, a permacultura e o paradigma ecológico na extensão rural: uma experiência no assentamento colônia I – Padre Bernardo – Goiás. 2007. 178 f., il. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Sustentável)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Resumo: Em meio à ameaça global, derivada da superexploração da Terra e de seus recursos naturais, a agricultura e a pecuária são destaques das ações humanas de grande impacto. Vinculada a um conhecido processo histórico, a aplicação da chamada agricultura convencional vem gerando uma série de problemas que extrapolam os aspectos ambientais, recaindo sobre a sociedade e a economia. No Brasil a questão da agricultura remonta ao aspecto social da concentração de riqueza e de terra. Grande parte da produção agrícola nacional, bem como a maior parte dos estabelecimentos agrícolas, pertencem à categoria dos pequenos produtores, ou agricultores familiares. Entretanto estes, de modo geral, estão submetidos à mesma lógica de mercado e, consequentemente, ao mesmo padrão exploratório da terra que a agricultura de larga escala, baseada em monoculturas mecanizadas e dependentes de insumos industriais. Por outro lado, a emergência nas três últimas décadas de um modo de produção agrícola de bases ecológicas vem ganhando respaldo e se mostrando eficiente principalmente para o setor da agricultura familiar. Deve-se, então, estabelecer novas diretrizes para a assistência técnica e extensão rural e demais políticas afetas a este setor, a fim de se caminhar num amplo e longo processo de transição da agricultura convencional para a agroecologia e, em níveis mais avançados, a um novo ordenamento socioespacial da ocupação humana, para o qual pode se valer das técnicas e conceitos da permacultura. Com esta visão a presente pesquisa se utiliza dos métodos da pesquisa-ação na aplicação e, conseqüente avaliação dos resultados de um processo de capacitação em agroecologia realizada no âmbito do Assentamento Rural Colônia I em Padre Bernardo – Goiás. A agroecologia, a permacultura e o paradigma ecológico na extensão rural : uma experiência no assentamento colônia I – Padre Bernardo – Goiás _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Trough the global treat, derived from the land exploration and from its natural resources, agriculture and cattle production are outstanding from the human action that causes a lot of impact. Linked to a history process already known, the application of conventional agriculture has been causing a group of problems that overcome the environment aspects, doing the same with society and economy. In Brazil the agriculture essue comes from the social aspects of the richness and land concentration. The larger part of national production of agriculture, as the larger part of the agricultural establishment belongs to the small producers or familiar farmers. However these, in a general way, are submitted to the same market logic and because of this they are also submitted to the some standard exploratory of the land that the agriculture in a large scale based in mechanized monoculture and dependant industrial input. In other way the emergency of the last three decades of one agricultural production way based on ecology has been gaining trustiness and has been showed efficient mostly for the familiar agriculture. So, the society should establish new guidelines to the techniques attendency and rural extension and others politics linked to this sector. In order to drive in a long and wide process of transition from conventional agriculture to agroecology and in an advanced levels to a new social space order of human occupation, witch one can use techniques and concepts from the permaculture. With this point of view, this research utilizes methods of action – research in the application and, therefore, evaluation of results of a process to make more people able to practice agroecology accomplished in the field of Colonia I settlement in Padre Bernardo – Goiás.
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2007.
Aparece nas coleções:CDS - Mestrado Acadêmico em Desenvolvimento Sustentável (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2007_ClaudioRochadosSantosJacintho.PDF5,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.