Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/23179
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CAPITULO_AntropologiaVisualRelacoes.pdf1,24 MBAdobe PDFView/Open
Title: Por uma antropologia visual das relações interétnicas : impressões sobre a exclusão social e a inclusão da arte indígena em Vancouver, Canadá
Authors: Silva, Cristhian Teófilo da
Assunto:: Índios canadenses
Arte indígena - Canadá
Relações étnicas
Issue Date: 2012
Publisher: IBAMA; UnB/CEPPAC; IEB
Citation: SILVA, Cristhian Teófilo da. Por uma antropologia visual das relações interétnicas: impressões sobre a exclusão social e a inclusão da arte indígena em Vancouver, Canadá. In: BAINES, Stephen Grant et al. (Org.). Variações interétnicas: etnicidade, conflito e transformações. Brasília: IBAMA; UnB/CEPPAC; IEB, 2012. p. 402-420. il. Disponível em: <http://www.ibama.gov.br/sophia/cnia/livros/variacoesinteretnicas.pdf>. Acesso em: 4 abr. 2017.
Abstract: A experiência de pesquisa que propiciou este trabalho partiu de entrevistas com antropólogos, lideranças indígenas e artistas indígenas urbanos. Resulta de uma viagem de campo em Downtown Eastside Vancouver e visa reproduzir aspectos intersubjetivos de um novo campo de observação etnográfica, expondo dados preliminares e imagens que permitiram vislumbrar temas e problemas para pesquisas futuras. Os diálogos com os interlocutores mencionados possibilitaram reunir informações sobre como políticas públicas na área de saúde, educação, moradia, reconhecimento territorial e étnico são interpretadas e experimentadas individualmente por uma liderança e um artista indígena na cidade de Vancouver. As fotografias, por sua vez, revelam outro discurso, talvez o mais imediato, de expressão da situação histórica vivida pelos povos indígenas no Canadá multicultural. Este ensaio será concluído com a formulação de um tema clássico na Antropologia Social: os empréstimos ou apropriações culturais e seus modos de efetivação, tal como ocorre entre indivíduos e grupos sociais distintos que partilham eventualmente de um mesmo espaço. Ainda que seja um tema clássico, esse problema de pesquisa para interpretar as relações interétnicas em Vancouver não se apoiará na etnologia indígena feita no Canadá ou nos Estados Unidos, e também não será desenvolvido a partir dos marcos de uma etnografia urbana propriamente dita. O problema de pesquisa ora construído sugere outra abordagem às cosmologias do capitalismo (SAHLINS, 1990), enfatizando menos as culturas locais indígenas e seus esforços de assimilação lógica e ontológica do sistema mundial, e mais as tradições institucionais políticas e econômicas que assimilam estética e lucrativamente a arte indígena no espaço público urbano, universitário e empresarial, ao passo que excluem as pessoas e a autoria indígena dessa mesma arte (PRICE, 2000). As entrevistas e fotografias mimetizam parcialmente minha aproximação a um contexto culturalmente estranho e socialmente diverso, mas permeado de lugares-comuns prescritos para os índios, sua cultura material e seus problemas no interior das sociedades nacionais do Norte e do Sul. É nesse sentido que o teor das relações interétnicas em Vancouver foi preliminarmente apreendido e será apresentado na forma de um ensaio de Antropologia Visual das Relações Interétnicas.
Licença:: Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença CC BY-NC-SA.
Appears in Collections:ELA - Livros e capítulos de livros

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/23179/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.