RIUnB >
31. IREL - Instituto de Relações Internacionais >
IREL - Programa de Pós-graduação  >
IREL - Mestrado em Relações Internacionais (Dissertações) >

Utilize este link para identificar ou citar este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/23030

Arquivos neste item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
2016_MatheusAugustoSoares.pdf1,34 MBAdobe PDFver/abrir

Título: Uma perspectiva arqueogenealógica e ética das Relações Internacionais : os saberes, os poderes e os sujeitos que orbitam os domínios da paz
Autor(es): Soares, Matheus Augusto
Orientador(es): Vaz, Alcides Costa
Assunto: Arqueologia
Genealogia
Ética
Paz de Westfalia
Data de publicação: 23-Mar-2017
Data de defesa: 15-Dez-2016
Referência: SOARES, Matheus Augusto. Uma perspectiva arqueogenealógica e ética das Relações Internacionais: os saberes, os poderes e os sujeitos que orbitam os domínios da paz. 2016. 215 f. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: O objetivo da presente dissertação é contribuir para o campo dos estudos de paz em um duplo sentido. Primeiramente, no sentido crítico, com o intuito de descontruir a ideia de uma paz logocêntrica, teleológica e moralizante e advogar pela existência de vários domínios de paz – nesta dissertação, somente dois – que temporalmente se sustentam por um arranjo de saberes, poderes e sujeitos em simbiose. Em segundo lugar, no sentido histórico, com o propósito de fazer uma investigação da paz desde Westfália até os dias de hoje, por meio da abordagem arqueogenealógica e ética de Michel Foucault. Ao analisarmos o domínio de paz de Westfalia e o domínio de paz humanitarista, nos esforçaremos em evidenciar as múltiplas violências presentes em ambos os domínios.
Abstract: The objective of this dissertation is to contribute to the peace studies in a double sense. Firstly, in a critical sense, with the purpose of deconstructing the idea of a logocentric, teleological and moralistic peace, accepting the existence of several domains of peace – in this dissertation, only two – which sustain themselves historically by an interconnection of knowledge, power and subjects. Secondly, in a historical sense, with the purpose of conducting a peace analysis from Westfalia to the present, through Michel Foucault’s archeogenealogical and ethical approach. In examining the westphalian domain of peace and the humanitarian domain of peace, we will put effort on highlighting the multiple forms of violence that are present in both domains.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Relações Internacionais, Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais, 2016.
Licença : A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece na Coleção:IREL - Mestrado em Relações Internacionais (Dissertações)

Todos os itens no repositório estão protegidos por copyright. Todos os direitos reservados.

 

Site Creative Commons Site Oaister Sítio IBICT Universidade de Brasília
Sobre o Repositório  |  FAQ  |  Estatísticas |  Termo de Autorização do Autor
Copyright © 2008 MIT & HP. Todos os direitos reservados.