Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/22963
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_PlácidoSousaBeserra.pdf9,25 MBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorReis Junior, Dirceu Silveira-
dc.contributor.authorBeserra, Plácido Sousa-
dc.date.accessioned2017-03-21T13:30:38Z-
dc.date.available2017-03-21T13:30:38Z-
dc.date.issued2017-03-21T13:30:38Z-
dc.date.submitted2016-10-21-
dc.identifier.citationBESERRA, Plácido Sousa. Avaliação dos efeitos das alterações na cobertura e uso do solo sobre o regime de vazões via modelagem hidrológica considerando incerteza paramétrica. 2016. xvii, 128 f., il. Dissertação (Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/22963-
dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, Programa de Pós-Graduação em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos, 2016.en
dc.description.abstractEste estudo foi realizado na bacia do Rio Grande, afluente do Rio São Francisco, no Oeste Baiano, região que é a maior produtora de grãos do estado Bahia e uma das maiores do país. A área de estudo foi escolhida por ter tido ocupação recente, a partir da segunda metade dos anos 1970, quando já se tem a disponibilidade de imagens de satélite, que viabilizaram o histórico de evolução da cobertura e uso do solo. A avaliação dos efeitos das mudanças na cobertura e uso do solo sobre as vazões foi realizada com a utilização do modelo MGB-IPH. Na avaliação foram consideradas as incertezas do modelo e dos parâmetros, para isso, ao invés de se considerar que há um único conjunto de parâmetros que represente a bacia, foi considerado que diversos parâmetros podem representar a bacia. Foram avaliadas as mudanças nas vazões mensais, anuais e nas vazões mínimas, no período de 1969 a 2005, dividido em 3 períodos: P1, de 1969 a 1985, com o uso do solo de 1980; P2, de 1986 a 1995, com o uso do solo de 1990; e P3, de 1996 a 2005, com uso do solo 2000. A detecção de ocorrência de alterações nas vazões em função das mudanças no uso do solo foi realizada pela comparação dos resíduos entre as vazões observadas e simuladas obtidos do período de referência, anterior à mudança no uso do solo, e nos períodos posteriores. Também foram comparados os conjuntos de parâmetros obtidos de calibrações realizadas nos diferentes períodos e, por fim, foram comparadas as respostas da bacia aos diferentes conjuntos de parâmetros obtidos na calibração de cada período. O modelo se mostrou eficiente em representar a hidrologia da bacia e capaz de detectar efeitos da mudança no uso do solo sobre o escoamento superficial. Em todas as comparações, os resultados indicam que houve redução das vazões devido à substituição da vegetação natural por pastagem e culturas agrícolas.en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleAvaliação dos efeitos das alterações na cobertura e uso do solo sobre o regime de vazões via modelagem hidrológica considerando incerteza paramétricaen
dc.title.alternativeEvaluation of land use and land cover changes effects on streamflow using hydrological modelling considering parameter uncertaintyen
dc.typeDissertaçãoen
dc.subject.keywordSolos - usoen
dc.subject.keywordModelagem hidrológicaen
dc.subject.keywordBacias hidrográficasen
dc.subject.keywordVazão de águaen
dc.rights.licenseA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições:Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.en
dc.description.abstract1This study is about the Rio Grande Basin, a São Franscisco River tributary, in the West of the State of Bahia, the region is the biggest grain producer of the State and one of the biggest of the country. This area was chosen for its recent occupation, starting from the latest 70’s, when satellite images became available, which enable the register of land-use or land-cover – LULC. The evaluation of LULC changes effects on streamflow was made using the MGB-IPH model. This evaluation considered model and parameter uncertainty, for this instead of using one parameter set that represents the watershed, was considered that various parameter sets can represent the watershed. Effects on the monthly, annual and minimal streamflow was evaluated between 1969 and 2005, divided in three periods: P1, from 1969 to 1985, using LULC from 1980; P2, from 1986 to 1995, using LULC from 1990; and P3, from 1996 to 2005, using LULC from 2000. The changes detection in streamflow due to changes in LULC was performed by comparing the residuals between observed and simulated streamflow obtained from the reference period prior to the change in land-use, and in subsequent periods. The sets of calibration parameters obtained for each period was also compared, and finally, the simulations obtained with different parameter sets were compared between each other. The MGB-IPH was able to reproduce the watershed hydrology and to detect the LULC changes effects on the runoff. Results have indicated that there was streamflow decrease due to natural cover substitution for pasture and crops.en
Appears in Collections:ENC - Mestrado em Tecnologia Ambiental e Recursos Hídricos (Dissertações)

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/22963/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.