Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/22937
Título: Brazil's strategic partnerships : an assessment of the Lula era (2003-2010)
Título(s) alternativo(s): Parcerias estratégicas do Brasil : um balanço da era Lula (2003 - 2010)
Autor(es): Lessa, Antônio Carlos
Assunto: Política externa - Brasil
Política internacional
Data de publicação: Dez-2010
Editor: Instituto Brasileiro de Relações Internacionais
Citação: LESSA, Antônio Carlos. Brazil's strategic partnerships: an assessment of the Lula era (2003-2010). Revista Brasileira Política Internacional, Brasília, v. 53, n. spe, p. 115-131, dez. 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-73292010000300007&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 12 jul. 2016. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-73292010000300007.
Resumo: No trabalho são examinados os relacionamentos bilaterais prioritários do Brasil, que receberam a denominação de "parcerias estratégicas", tanto por causa da sua tradição e relevância histórica, quanto por causa da existência de projetos de cooperação política e econômica. A partir da elaboração do conceito de "parcerias estratégicas", e de como ela se construiu na política externa brasileira, neste trabalho se propõe um balanço desses relacionamentos especialmente durante a administração Lula da Silva (2003-2010). São examinadas as parcerias com os Estados Unidos, Argentina, Japão, China, Índia, África do Sul e União Européia. Propõe-se uma interpretação sobre o significado que o incremento desses vínculos possui para a estratégia de inserção internacional do País.
Abstract: This article examines the priority bilateral relations of Brazil, named "strategic partnerships", both because of their tradition and historical relevance and due to the existence of political and economic cooperation projects. An assessment of these relationships, especially under Lula's administration, is made in this work, bearing in mind the concept of "strategic partnerships" and its development in Brazilian foreign policy. There will be considered partnerships with the US; Argentina; Japan; China; India; South Africa and the European Union. In the article, the meaning of the increase in these relationships is interpreted on the grounds of its significance to the international insertion strategy of Brazil.
Licença: Revista Brasileira Política Internacional - All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative CommonsAttribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-73292010000300007. Acesso em: 12 jul. 2016.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0034-73292010000300007
Aparece nas coleções:IREL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_BrazilsStrategicPartnerships.pdf943,91 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.