Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/22492
Título: 1968 : Estado & liberdade - como a Primavera de Praga e as revoltas estudantis em Paris podem ser inseridas no contexto da Guerra Fria
Autor(es): Viana, Ana Letícia Melo
Orientador(es): Arraes, Virgílio Caixeta
Assunto: Guerra Fria
Movimento estudantil
Revoluções
Primavera de Praga
Data de publicação: 13-Fev-2017
Data de defesa: 30-Set-2016
Citação: VIANA, Ana Letícia Melo. 1968: Estado & liberdade - como a Primavera de Praga e as revoltas estudantis em Paris podem ser inseridas no contexto da Guerra Fria. 2016. 76 f. Dissertação (Mestrado em História)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: O objetivo deste trabalho é comparar as revoltas estudantis de Paris com as revoltas sociais de Praga, ambas ocorridas no ano de 1968. As revoltas em Paris foram movimentações estudantis que extrapolaram o ambiente dos campi e envolveram a sociedade. Elas podem ser inseridas na série de revoltas que aconteceram no lado capitalista ao redor de mundo durante a década de 60. Já os movimentos de Praga surgiram no seio da sociedade, e se inseriram no contexto de aspiração por liberdade que havia nos satélites de Moscou. Para conceber a comparação entre tais levantes, contextualizar-se-ão os blocos ideologicamente antagônicos, Capitalismo e Socialismo, onde eles estão inseridos. Isso porque, a fim de que a comparação seja feita de maneira satisfatória, é imprescindível que se analisem os blocos entre os anos de 1947 a 1968, período conhecido como coexistência pacífica. Também se analisarão, no aspecto micro, fatos das revoltas, para que se possa melhor compreender as semelhanças e diferenças, e como elas se relacionam com a dicotomia ideológica da Guerra Fria. Ainda, com o intuito de elucidar melhor a discussão, far-se-á uma revisão conceitual de termos como “liberdade”, “ideologia”, “Guerra Fria” e “revolução”.
Abstract: The purpose of this study is to compare the student revolts in Paris with the social upheavals of Prague, both of which occurred in 1968. The revolts in Paris were student movements that extrapolated the campus environment and involved the entire society. It can be inserted in the series of revolt movements that happened in the capitalist side, around the world, in the 60s. On the other hand, the Prague Spring movements’ where born within the society, and can be inserted in a context of freedom aspiration that where taking place in all of the Moscou’s satellites. To design the comparison between these uprisings, the antagonistic blocs, Capitalism and Socialism, where they are inserted, will be contextualized. In order to compare them in a satisfactory manner, it is essential to analyze the blocks between the years 1947-1968, a period known as peaceful coexistence. Regarding the micro aspects, the facts of the riots will be examined so that we can better understand the similarities and differences between them, and how they relate to the ideological dichotomy of the Cold War. Still, in order to better elucidate the discussion, a conceptual review of terms such as "freedom," "ideology", "Cold War" and "revolution" will take place.
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Humanas, Programa de Pós-Graduação em História, 2016.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:HIS - Mestrado em História (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_AnaLetíciaMeloViana.pdf588,2 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.