Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/22089
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_LorenaRamosdaMata.pdf78,04 MBAdobe PDFView/Open
Title: Caracterização molecular e anatômica do complexo babaçu (Attalea spp., Arecaceae)
Other Titles: Molecular and anatomic characterization of babassu complex (Attalea spp., Arecaceae)
Authors: Mata, Lorena Ramos da
Orientador(es):: Azevedo, Vânia Cristina Rennó
Assunto:: Babaçu
Anatomia foliar
Anatomia vegetal
Plantas - anatomia
Issue Date: 6-Jan-2017
Citation: MATA, Lorena Ramos da. Caracterização molecular e anatômica do complexo babaçu (Attalea spp., Arecaceae). 2016. xvi, 149 f., il. Dissertação (Mestrado em Botânica)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Abstract: O babaçu (Attalea spp.) é uma palmeira nativa com ampla distribuição no Brasil, sendo encontrado nas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. Constitui um recurso natural de elevada importância no nordeste brasileiro e é um dos principais produtos extrativistas do país. A identificação taxonômica do conjunto de espécies de babaçu é complexa, e não há consenso entre os diversos autores, por isso, esse conjunto de espécies é denominado “complexo babaçu”. Considerando-se as divergências taxonômicas acerca do gênero Attalea e a importância da correta classificação das espécies para programas de melhoramento e conservação, foi proposta a caracterização da anatomia foliar e o estudo com DNA barcode de sete espécies do complexo babaçu que ocorrem no Brasil, a fim de fornecer dados anatômicos e moleculares discriminatórios que possam subsidiar a taxonomia. A anatomia foliar das sete espécies estudadas do gênero Attalea foi altamente informativa. Os dados gerados podem auxiliar na identificação das espécies, assim como em sua classificação taxonômica. Os marcadores rbcL, trnL e matK não apresentaram resolução suficiente para a discriminação das espécies. Os marcadores psbA-trnH, ITS e PRK apresentaram resultados potencialmente satisfatórios para serem usados com regiões barcode para espécies de Attalea. O uso de marcadores barcode em espécies do gênero Attalea necessita ser aprimorado, tanto no estabelecimento de protocolos de extração, PCR e sequenciamento eficientes quanto na escolha e combinação dos marcadores utilizados.
Abstract: The babassu (Attalea spp.) is a palm tree native to Brazil with wide distribution, being found in the North, Northeast, Southeast and Central West regions. The plant is a natural resource of great importance in northeastern Brazil and one of the main extractive products in the country. The identification and taxonomy of babassu species is difficult and there is no taxonomic consensus among many authors, so this group of species is known as the "babassu complex". Considering the taxonomic problems in Attalea and the importance of proper classification of species for breeding and conservation programs, we proposed to characterize the leaf anatomy and apply DNA barcoding techniques to seven species of the babassu complex occurring in Brazil, with the aim of providing discriminatory anatomical and molecular data to support current taxonomy. The leaf anatomy of seven Attalea species studied was highly informative. The data generated can assist greatly in identifying the species within the current taxonomic framework. The DNA loci rbcL, trnL and matK showed insufficient resolution for discrimination of species. The psbA-trnH markers, ITS and PRK showed potentially satisfactory results for discriminating Attalea species. The use of DNA barcodes in Attalea, however, needs to be improved, both in the optimization of DNA extraction, PCR and sequencing protocols, as well as the choice and combination of markers used.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de Botânica, Programa de Pós-Graduação em Botânica, 2016.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.04.D.22089
Appears in Collections:BOT - Mestrado em Botânica (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/22089/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.