Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/21930
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_PoliticasTransversaisGenero.pdf749,63 kBAdobe PDFView/Open
Title: Políticas transversais (gênero, raça/etnia e deficiência) e educação/qualificação para o trabalho
Other Titles: Cross-sectional policies (gender, race/ethnicity, disability) and education/qualification to work
Authors: Yannoulas, Silvia Cristina
Soares, Kelma
Assunto:: Deficiência
Ensino profissional
Gênero
Políticas públicas
Qualificações profissionais
Issue Date: Jan-2009
Publisher: Unisinos
Citation: YANNOULAS, Silvia; SOARES, Kelma J. Políticas transversais (gênero, raça/etnia e deficiência) e educação/qualificação para o trabalho. Educação Unisinos, v. 13, p. 31-42, jan./abr. 2009. Disponível em: <http://revistas.unisinos.br/index.php/educacao/article/view/4926>. Acesso em: 08 jun. 2016. doi: 10.4013/edu.2009.131.03.
Abstract: O artigo explora potencialidades e limites da proposta de transversalização de políticas públicas (gênero, raça/etnia e defi ciência), à luz da experiência brasileira recente quanto à formulação e à implementação de políticas públicas de educação/qualifi cação para o trabalho. Se educação e trabalho são dois tópicos importantes nas propostas dos organismos governamentais específi cos que tratam das questões transversais (CORDE, SPM e SEPPIR), a relação entre esses grandes tópicos, isto é, a educação/qualifi cação para o trabalho, não consta entre as principais preocupações contempladas nos planos e relatórios desses organismos governamentais. Em grande medida, essa ausência relativa pode ser explicada pelos entraves na transversalização das problemáticas ao interior das políticas sociais específi cas (ou setoriais, como são as políticas de educação e de trabalho).
Abstract: This article explores potentialities and limits of cross-sectionalizing public policies (gender, race/ethnicity, disability) in the light of the recent Brazilian experience in defi ning and implementing public policies designed to train people for the labor market. Although education and labor are two important topics in the proposals of government agencies (CORDE, SPM, SEPPIR) that specifi cally deal with cross-sectional issues, the relation between those major topics, i.e. professional training, is not included in the main concerns contained in the plans and reports of those agencies. This absence is due, to a great extent, to hindrances to the cross-sectionalizing of those issues within the scope of specifi c public policies (or sectorial policies, such as education and labor policy).
Licença:: Educação Unisinos - Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 Unported (CC BY 3.0). Fonte: http://revistas.unisinos.br/index.php/educacao/article/view/4926. Acesso em: 08 jun. 2016.
DOI: https://dx.doi.org/10.4013/edu.2009.131.03
Appears in Collections:SER - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/21930/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.