Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/21449
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_WilmaTavaresBraga.pdf1,39 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Análise das métricas dos fragmentos florestais e dos padrões espaciais morfológicos a partir de restituição fotogramétrica de fotografias aéreas digitais
Autor(es): Braga, Wilma Tavares
Orientador(es): Guimarães, Renato Fontes
Coorientador(es): Carvalho Júnior, Osmar Abílio de
Assunto: Fragmentação da paisagem
Mata Atlântica
Fragmentos florestais
Data de publicação: 20-Set-2016
Referência: BRAGA, Wilma Tavares. Análise das métricas dos fragmentos florestais e dos padrões espaciais morfológicos a partir de restituição fotogramétrica de fotografias aéreas digitais. 2016. 40 f., il. Dissertação (Mestrado em Geografia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: O presente trabalho teve como objetivo realizar o mapeamento dos fragmentos florestais na Alta bacia Jacaré-Pepira, localizada no município de São Pedro – SP. A metodologia é subdivida em: (a) mapeamento dos fragmentos florestais, (b) delimitação das áreas de proteção de acordo com Lei 12.651/12, (c) obtenção das métricas de fragmentação da paisagem, (d) análise do padrão espacial morfológico. As métricas tradicionais da paisagem foram obtidas pelos programas Patch Analyst. A Análise de Padrões Espaciais Morfológicos (MSPA) foi realizada a partir da simulação de 4 cenários para a verificação da funcionalidade das Áreas de Preservação Permanente (APP), considerado 5 larguras de buffer, entre 1 e 40 metros. Os resultados obtidos mostraram que as APPs da paisagem se encontram fragmentadas e a conectividade entre elas é mínima. O método descrito evidencia a funcionalidade e importância das APPs para a paisagem. ________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study aimed to carry out the mapping of forest fragments in the Upper Basin Jacaré-Pepira, located in São Pedro - SP. The methodology is subdivided into: (a) mapping of forest fragments, (b) delimitation of protected areas in accordance with Law 12,651 / 12, (c) obtaining the landscape fragmentation metrics (d) analysis of morphological spatial pattern. Traditional metrics of the landscape were obtained by Patch Analyst programs. The Spatial Pattern Analysis Morphological (MSPA) was held from 4 simulation scenarios for checking the functionality of the Permanent Preservation Areas (APP), considered 5 buffer widths between 1 and 40 meters. The results showed that the landscape PPAs are fragmented and connectivity between them is minimal. The method shows the functionality and importance of PPAs for the landscape.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia, 2016.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:GEA - Mestrado em Geografia (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.