Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/2133
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2007_SaraFreireSimoesAndrade.pdf673,57 kBAdobe PDFView/Open
Title: (Des) orientes no Brasil : visto de permanência dos libaneses na ficção brasileira contemporânea
Other Titles: The (Dis)oriented in Brasil : permanent visa of libaneses in contemporary Brasilian fiction
Authors: Andrade, Sara Freire Simões de
Orientador(es):: Pires, Maria Isabel Edom
Assunto:: Imigração libanesa
Romance contemporâneo
Representação literária
Literatura brasileira - história e crítica
Migração - Libano - Ásia
Issue Date: 10-Nov-2009
Citation: ANDRADE, Sara Freire Simões de. (Des) orientes no Brasil: visto de permanência dos libaneses na ficção brasileira contemporânea. 101 f. 2007. Dissertação (Mestrado em Literatura Brasileira)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: Na literatura brasileira contemporânea, personagens de origem árabe saem de um lugar antes relegado às margens da ficção para então ocupar o centro das narrativas. Um número crescente de escritores (muitos originários de comunidades libanesas) tem explorado a imigração dessa etnia em sua escrita. Esta dissertação analisa a representação do imigrante libanês nos romances dos escritores Milton Hatoum, Raduan Nassar, Salim Miguel e Ana Miranda e sua (des) vinculação com o discurso hegemônico nacionalista. Pergunta-se como ocorre a representação dessa imigração, como se constituem as famílias dos personagens imigrantes ou de seus descendentes, quais imagens e estereótipos são recorrentes, que “Oriente” é aqui reconstruído e, afinal, que lugar esses imigrantes ocupam na nova terra. Adota-se a perspectiva da relação entre literatura, sociedade e suas produções simbólicas, tendo como aporte teórico os conceitos de mímesis, trabalhado por Luiz Costa Lima; orientalismo, por Edward Said; construções de estereótipos, por Homi Bhabha; assim como as reflexões de Bhabha e Stuart Hall sobre nação imaginada. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
In contemporary Brasilian literature individuals of arabian origin are moving out of the margins of fiction to eventually occupy the centre of narratives. A growing number of writers, many from libanese communities, are dealing with the immigration of this ethnic group in their writings. This dissertation analyses the representation of the libanese immigrant in the novels of Milton Hatoum, Raduan Nassar, Salim Miguel and Ana Miranda and its connection with the hegemonic, nationalist discourse. It asks how the representation of this immigration manifests itself, how the families of the immigrants and their descendants are depicted, what images and stereotypes reoccur, what image of the “Orient” is constructed and, finally, what place in the “new society” the immigrantes are occupying. This dissertation looks at the relationship between literature, society and its symbolic productions, having as a theoretical background the concept of mimesis by Luiz Costa Lima, orientalism by Edward Said, the construction of stereotypes by Homi Bhabha, as well as reflections of Bhabha and Stuart Hall about the imagined nation.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, 2007.
Appears in Collections:TEL - Mestrado em Literatura (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/2133/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.