Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/21318
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_RicardoAugustoCapovilla.pdf2,77 MBAdobe PDFView/Open
Title: Análise das estruturas de controle interno de organizações governamentais por meio de modelo de maturidade
Authors: Capovilla, Ricardo Augusto
Orientador(es):: Gonçalves, Rodrigo de Souza
Assunto:: Modelo de maturidade
Controle interno
Administração pública - Brasil
Issue Date: 23-Aug-2016
Citation: CAPOVILLA, Ricardo Augusto. Análise das estruturas de controle interno de organizações governamentais por meio de modelo de maturidade. 2016. 249 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis)—Programa Multi-institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Brasília, 2016.
Abstract: O estudo teve o objetivo de analisar a maturidade das estruturas de controle interno de organizações governamentais brasileiras que implementam políticas públicas para a agricultura, propondo um modelo de maturidade baseado no framework do COSO e padrões do GAO. O modelo foi estruturado em quatro níveis de maturidade: (0) Incipiente, (1) Inicial, (2) Em Formação e (3) Estabelecido, representando os estágios da implantação de uma estrutura de controle interno nas organizações. As cinco dimensões do modelo correspondem aos componentes de controle interno do framework COSO I: Ambiente de Controle; Avaliação de Riscos; Atividades de Controle; Informação e Comunicação; e Monitoramento (COSO, 2013). Para cada dimensão, foram definidas subdimensões e variáveis, que formaram a base para a avaliação do nível de maturidade das organizações estudadas. O modelo de maturidade foi empiricamente testado por meio de um estudo de casos múltiplos (YIN, 2010), avaliando as estruturas de controle interno de três organizações governamentais ligadas à função agricultura. Os estudos de caso reuniram elementos para a análise comparativa (CONILL et al., 1991; HORTALE et al., 1999), que identificou as similaridades e diferenças das estruturas avaliadas. O teste empírico do modelo de maturidade permitiu o diagnóstico das capacidades das estruturas de controle interno das entidades, constatando-se limitações significativas em todas as dimensões. A partir das limitações, foram identificados os riscos decorrentes e recomendadas ações para o aprimoramento das estruturas de controle interno das entidades, demonstrando-se a utilidade do modelo de maturidade na orientação ao gestor público para o aprimoramento das estruturas de controle interno sob sua responsabilidade. As análises comparativas colocaram as capacidades em perspectiva, possibilitando a utilização do modelo de maturidade para o estímulo à melhoria contínua das estruturas de controle interno das entidades. A evolução das estruturas de controle interno das organizações governamentais pode diminuir as oportunidades de que os recursos e o patrimônio público sejam utilizados em proveito de interesses que divergem dos interesses dos cidadãos. _______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study aimed to analyze the maturity of internal control frameworks of brazilian governmental organizations that implement public policies for agriculture, developing a maturity model based on the COSO Internal Control Framework and GAO standards. The model is structured in four maturity levels: (0) Incipient, (1) Initial, (2) Developing, and (3) Established, representing the deployment stages of an internal control framework in organizations. The five dimensions of the model correspond to the internal control components, according to the COSO I Framework: Control Environment; Risk Assessment; Control Activities; Information and Communication; and Monitoring (COSO, 2013). For each dimension, sub dimensions and variables were defined, establishing the basis for the assessing of the maturity level of the organizations studied. The maturity model was empirically tested through a multiple case study (YIN, 2010), which evaluated the internal control structures of three government organizations related to agriculture function. The case studies gathered elements for comparative analysis (CONILL et al., 1991; HORTALE et al., 1999), which identified the similarities and differences of the evaluated structures. The empirical test of the maturity model enabled the identification of the capabilities of the entities’ internal control frameworks, showing significant limitations in all dimensions. From the limitations, risks were identified and actions for the improvement of the entities’ internal control frameworks were recommended, demonstrating the usefulness of the maturity model in guiding public managers in the improvement of internal control frameworks under their responsibility. Comparative analysis put into perspective the capabilities, allowing the use of the maturity model for stimulating continuous improvement of the entities’ internal control frameworks. The evolution of government organizations’ internal control frameworks can reduce the opportunities of public resources and public assets being used for the benefit of interests different from the citizens’ interests.
Description: Dissertação (mestrado)—UnB/UFPB/UFRN, Programa MultiInstitucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2016.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:CCA - Mestrado em Ciências Contábeis (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/21318/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.