Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/20936
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_PedroHenriqueRodriguesCDias.pdf2,71 MBAdobe PDFView/Open
Title: Planejamento estratégico : fatores facilitadores e dificultadores em uma instituição federal de ensino
Authors: Dias, Pedro Henrique Rodrigues de Camargo
Orientador(es):: Sousa, Jonilto Costa
Assunto:: Planejamento estratégico
Instituições federais de ensino superior
Gestão pública
Eficiência organizacional
Issue Date: 18-Jul-2016
Citation: DIAS, Pedro Henrique Rodrigues de Camargo. Planejamento estratégico: fatores facilitadores e dificultadores em uma instituição federal de ensino. 2016. 218 f., il. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão Pública)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Abstract: Este estudo identifica e caracteriza os fatores facilitadores e dificultadores no processo de implementação do planejamento estratégico no Instituto Federal de Brasília, especificamente, no âmbito da eficácia organizacional. Argumenta-se que o planejamento estratégico é utilizado de modo a compreender e resumir as atividades de planejamento, monitoramento e avaliação de desempenho, orçamentação, tomada de decisão, previsão e análise de ambiente, que tem constatado ser útil. Com base em revisão da literatura, são apresentadas e discutidas diversos conceitos teóricas acerca do tema planejamento e pensamento estratégico. Como opção teoria foi selecionada a abordagem de Mintzberg (2010) e Matias-Pereira (2011) acerca do processo metodológico no planejamento, bem como Marcelino (2004) e Meyer Jr. (2005) a respeito do pensamento sobre o planejamento estratégico em IES. O estudo de caso de abordagem qualitativa foi realizado por meio de pesquisa aplicada de caráter exploratório, instrumentalizado pela técnica documental e entrevistas semiestruturada, bem como análise de conteúdo. Os resultados possibilitaram identificar três dimensões composta por dezoito categorias sendo: quatro atinentes à metodologia de planejamento; quatro de fatores facilitadores; e dez de fatores dificultadores. Os fatores facilitadores estimulam as pessoas a pensarem estrategicamente o que facilita a comunicação e compreensão da missão, visão e objetivos estratégicos; mobiliza esforços coordenados em função de metas e objetivos, por meio de ações adaptativas e criativas de forma a melhorar o desempenho. Esses quando não observados ou aplicados eficientemente tornam-se dificultadores. Os fatores dificultadores interagem de maneira dinâmica, o que limita os benefícios que o planejamento proporciona; desse modo, as pessoas não o percebem como algo importante, imperando a cultura da falta de planejamento, que provoca repetidas e constantes improvisações, presente sensação de “apagar fogo”, postura reativa aos problemas, imediatismo o que estimula a gerência do dia a dia. Conclui-se que o planejamento estratégico em IES compreende-se como ferramenta especial de planejamento e gestão, uma vez que possuem características específicas que não podem perder de vista ação cooperada, participação direta da comunidade acadêmica em diferentes etapas; identifica singularidades no processo de ensino-aprendizagem e de produção do conhecimento, de forma a atender uma diversidade de expectativas e anseios de natureza qualitativa e dinâmica. Para um planejamento eficaz em instituição de ensino são necessários, além do apoio da alta administração e equipe qualificada de planejamento, a mobilização de pessoas de forma a envolver os atores, tal como entender as vantagens que o planejamento proporciona, na medida que implementa uma cultura de planejamento. _______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study identifies and characterizes the facilitating and inhibiting factors in the implementation process of strategic planning at the Federal Institute of Brasilia, specifically in the context of organizational effectiveness. It is argued that strategic planning is used to understand and summarize the activities of planning, monitoring and performance evaluation, budgeting, decision making, forecasting and analysis environment, which has proven to be useful. Based on literature review, they are presented and discussed various theoretical concepts on the subject planning and strategic thinking. As theory was selected to Mintzberg approach (2010) and Matias-Pereira (2011) about the methodological process in planning and Marcelino (2004) and Meyer Jr. (2005) concerning the thinking on strategic planning in IES. The qualitative approach case study was conducted through applied research exploratory, instrumentalized by documentary and semi-structured interviews technique and content analysis. The results made it possible to identify and categorize three dimensions composed of eighteen categories being: four relating to planning methodology; four facilitating factors; and ten of it complicating factors. Enabling factors encourage people to think strategically which facilitates communication and understanding of the mission, vision and strategic objectives; mobilizing function in coordinated efforts of goals and objectives through adaptive and creative actions to improve performance. These when not observed or applied effectively become hindering. Moreover, the hindering factors interact dynamically, which limits the benefits that provides planning; thus, people do not perceive it as something important, reigning culture of lack of planning, which causes repeated and constant improvisations, this feeling of "clear fire" reactive approach to problems, immediacy which stimulates the management of day to day . We conclude that strategic planning in IES is understood as a special tool for planning and management, as they have specific features that can not lose sight of cooperative action, direct participation of the academic community at different stages; identifies singularities in the teaching-learning and knowledge production in order to meet a diversity of expectations and of qualitative and dynamic nature desires. For effective planning in an educational institution are required, in addition to the support of senior management and skilled team of planning, mobilization of people in order to involve the actors as understand the advantages that the plan provides, in that it implements a culture of planning.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade UnB Planaltina, Programa de Pós-Graduação em Gestão Pública, Mestrado Profissional em Gestão Pública, 2016.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FUP - Mestrado Profissional em Gestão Pública

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20936/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.