Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/20912
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_LuizClaudioMoreiraMeloJunior.pdf7,82 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Sistemas sociais comunitários e uso de recursos naturais : bases para políticas públicas e desenvolvimento territorial no estado do Pará
Autor(es): Melo Júnior, Luiz Cláudio Moreira
Orientador(es): Sayago, Doris Aleida Villamizar
Coorientador(es): Tourinho, Manoel Malheiros
Assunto: Comunidades ribeirinhas
Manejo florestal
Sistemas sociais
Concessão florestal
Rio Arapiuns (PA)
Data de publicação: 12-Jul-2016
Referência: MELO JÚNIOR, Luiz Cláudio Moreira. Sistemas sociais comunitários e uso de recursos naturais: bases para políticas públicas e desenvolvimento territorial no estado do Pará. 2016. 169 f., il. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Sustentável)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Resumo: O presente trabalho de tese aborda as relações entre sistemas sociais comunitários e uso de recursos naturais pelas comunidades ribeirinhas localizadas em um vasto território da fronteira aberta ao longo do rio Arapiuns, no oeste do estado do Pará. O estudo teve como objetivo geral analisar as continuidades e/ou as mudanças (2008/2014) demográficas, sociais, culturais, econômicas e ambientais no território das comunidades ribeirinhas (agrárias e extrativistas) da bacia do rio Arapiuns, em decorrência dos padrões de uso dos recursos naturais. Trata-se de um território densamente florestal, cuja presença de vilas e povoados continentais e ribeirinhos, de moradores nativos, vem sofrendo fortes perturbações com a presença de empreendimentos de alta densidade de capital, como os de mineração e de exploração madeireira. O método de investigação utilizado derivou do emprego da teoria geral dos sistemas nas suas abordagens específicas das teorias dos sistemas naturais e dos sistemas sociais. Já os métodos e seus instrumentos e técnicas de pesquisa envolveram desde a análise documental ou histórica até as formas mais diversas de observação, oralidades, coleta de dados, quantificações, abordagens indutivas e dedutivas. Como principais resultados, o estudo evidenciou que as dinâmicas sociais, econômicas, culturais e ambientais das comunidades ribeirinhas do rio Arapiuns foram fortemente alteradas desde o início das atividades de concessão florestal na região, e que as políticas públicas desenhadas e implementadas no território em estudo apresentam consideráveis restrições sociais, econômicas e ambientais para a promoção de processos de desenvolvimento local e territorial. Ao final, apresentam-se reflexões, proposições e recomendações para a sustentabilidade das políticas públicas orientadas para o território do estudo. _______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This thesis work deals with the relationship between community social systems and the use of natural resources by the riverside communities located in a vast area of the open border along the river Arapiuns in western Pará state. The study aimed to analyze the continuities and / or (2008/2014) demographic, social, cultural, economic and environmental changes in the territory of the riverside communities, and agricultural and extractive changes at the basin of the river Arapiuns due to the standards of use natural resources. It is a densely forested territory in which the presence of continental villages and riverside communities, native residents, has suffered serious disturbances in the presence of high density of capital projects, such as mining and logging. The research method used was derived from the use of general systems theory in their specific approaches to theories of natural and social systems. As for the methods and instruments, and research techniques from the documentary or historical analysis to the various forms of observation, word-of-mouth, data collection, measurements, inductive and deductive approaches were all involved. The main results of the study showed that the social, economic, cultural and environmental dynamics of the riverine communities Arapiuns river have been heavily modified in the last five years, since the beginning of the forest concession activities in the region, and that public policies designed and implemented in the territory under study present considerable social, economic and environmental constraints to the promotion of local and territorial development processes. Finally, reflections, proposals and recommendations are presented to the sustainability of public policies oriented to the territory of the study. _______________________________________________________________________________________________ RESUMEN
El presente trabajo de tesis aborda las relaciones entre sistemas sociales comunitarios y el uso de recursos naturales por las comunidades ribereñas localizadas en un vasto territorio de la frontera abierta a lo largo del rio Arapiuns, al oeste del estado de Pará. El estudio tuvo como objetivo general analizar las continuidades y/o los cambios (2008/2014) demográficos, sociales, culturales, económicos y ambientales en el territorio de las comunidades ribereñas, agrarias y extractivistas, de la cuenca del rio Arapiuns, en consecuencia de los tipos de uso de los recursos naturales. Se trata de un territorio densamente forestal, con la presencia de villas y poblados continentales y ribereños, de habitantes nativos que viene sufriendo fuertes perturbaciones con la presencia de proyectos de alta densidad de capital, como los proyectos de mineración y explotación maderera. El método de investigación utilizado derivó del empleo de la teoría general de los sistemas en sus abordajes específicos de las teorías de los sistemas naturales y de los sistemas sociales. Ya los métodos y sus instrumentos y técnicas de investigación incluyeron tanto el análisis documental o histórico como las formas más diversas de observación, oralidades, recolección de datos, cuantificaciones, abordajes inductivas y deductivas. Como principales resultados, el estudio mostró que las dinámicas sociales, económicas, culturales y ambientales de las comunidades ribereñas del rio Arapiuns están siendo fuertemente alteradas en los últimos 5 años, desde el inicio de las actividades de concesión forestal en la región, y que las políticas públicas diseñadas e implementadas en el territorio presentan considerables restricciones sociales, económicas y ambientales para la promoción de procesos de desarrollo local y territorial. Al final, se ofrecen reflexiones, propuestas y recomendaciones para la sustentabilidad de las políticas públicas orientadas para el territorio estudiado.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável, 2016.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:CDS - Doutorado em Desenvolvimento Sustentável (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.