Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/20689
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_AcercaMujeresllegaron.pdf378,02 kBAdobe PDFView/Open
Title: Acerca de como las mujeres llegaron a ser maestros (América Latina, 1870-1930)
Authors: Yannoulas, Silvia Cristina
Assunto:: Docência
Mulheres - emprego
Identidade de gênero
Issue Date: Sep-1992
Publisher: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)
Citation: YANNOULAS, Silvia Cristina. Acerca de cómo las mujeres llegaron a ser maestras. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 73, n. 175, p. 497-521, set./dez. 1992.
Abstract: Objetiva subsidiar teoricamente o debate sobre o processo de feminização da docência na escola de primeiro grau, na América Latina, entre os anos de 1870 a 1930. Discute a relação entre afeminização da docência, a constituição e expansão dos sistemas educativos nacionais, e a elaboração e difusão de diversos tipos de identidade (especialmente identidades de género e identidade nacional). Sua organização está baseada em "palavras-chave " (key-words), vinculadas à problemática da feminização: diferença sexual, divisão sexual do trabalho, público e privado, Estado educador, educação feminina, profissão docente, formação docente e feminização da docência.
This paper analyses the process of teaching force's feminization, in Latin-America (1870—1930). We discuss the relationship between the feminization of this profession, the building and expansion of national education systems, and the elaboration and diffusion of different kinds of identity (especially gender and national identities). This article is organized around "Key-words ", so as: sexual difference, sexual division of labor, public and private, educator State, feminine education, teaching profession, teacher's education and feminization of the teaching profession.
Abstract: Este artículo tiene por objetivo aportar elementos teóricos al debate sobre el proceso de feminización de la docência en la escuela primaria, en el contexto latinoamericano, entre los anos 1870 y 1930. Discute la relación entre la feminización de la docência, la constitución y expansión de los sistemas educativos nacionales, y la elaboración de distinto tipo de identidades (particularmente identidades de gênero y nacionales). Se organiza alrededor de "palabras-clave " (key-words), vinculadas a la problemática de la feminización: diferencia sexual, división sexual dei trabajo, público y privado, Estado educador, educación femenina, profesión doceníe, formación doceníe y feminización de la docência.
Licença:: Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos - Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0). Fonte: http://rbep.inep.gov.br/index.php/rbep/article/view/1236/1210. Acesso em: 09 jun. 2016.
Appears in Collections:SER - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20689/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.