Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/20660
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_EarlyChildhoodEducation.pdfArtigo em inglês2,38 MBAdobe PDFView/Open
ARTIGO_EducacaoInfantilDireito.pdfArtigo em português2,38 MBAdobe PDFView/Open
Title: A educação infantil como direito : uma dimensão da materialização das políticas para a infância
Other Titles: Early childhood education as a right : a dimension of materialization of policies for children
Authors: Rehem, Faní Quitéria Nascimento
Faleiros, Vicente de Paula
Assunto:: Educação de crianças
Direito
Issue Date: 2013
Publisher: PUCPR
Citation: REHEM, Faní Quitéria Nascimento; FALEIROS, Vicente de Paula. A educação infantil como direito: uma dimensão da materialização das políticas para a infância. Revista Diálogo Educacional, v. 13, n. 39, 2013. Disponível em: <http://www2.pucpr.br/reol/pb/index.php/dialogo?dd1=10219&dd99=view&dd98=pb>. Acesso em: 03 jun. 2016. __________________________________________________________________________________________________
REHEM, Faní Quitéria Nascimento; FALEIROS, Vicente de Paula. Early childhood education as a right: a dimension of materialization of policies for children. Revista Diálogo Educacional, v. 13, n. 39, 2013. Disponível em: <http://www2.pucpr.br/reol/pb/index.php/dialogo?dd1=10219&dd99=view&dd98=pb>. Acesso em: 03 jun. 2016.
Abstract: O presente artigo discute a educação infantil como direito, defendendo-a como resultado de lutas históricas, embates, correlação de forças, em que a garantia legal não significa a efetivação destes. Realizamos uma análise dos documentos nacionais que reconhecem a educação infantil como direito que são: a Constituição Federal de 1988, o Estatuto da Criança e do Adolescente e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, conclui-se que se trata de um embate social e político e não apenas jurídico-legal e, apesar de avanços consideráveis, muito há que ser feito para que a educação da primeira infância se materialize. __________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This article discusses childhood education as a legal right, by defending it as a result of historical struggles in which the legal guarantee does not mean the achievement of those. We realized an analysis of the legal frame work that supports early childhood education, the 1988 Brazilian Federal Constitution, Statute of Children and Adolescents and the Law of Guidelines and Bases of National Education and concluded that, it is a social and political struggle and not just legal-juridical despite considerable progress, much remains to be done for early childhood education to materialize.
Licença:: Revista Diálogo Educacional - Licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada (CC BY 3.0). Fonte: http://www2.pucpr.br/reol/pb/index.php/dialogo?dd1=10219&dd99=view&dd98=pb. Acesso em: 3 jun. 2016.
Appears in Collections:SER - Artigos publicados em periódicos
UnB - Professores Eméritos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20660/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.