Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/20635
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_KarinaFerreiraLagôaGonçalves.pdf3,39 MBAdobe PDFView/Open
Title: Efeitos do treinamento resistido com máquinas pneumáticas e resistência elástica progressiva na força, capacidade funcional e equilíbrio em mulheres idosas : um ensaio clínico randomizado
Authors: Gonçalves, Karina Ferreira Lagôa
Orientador(es):: Safons, Marisete Peralta
Assunto:: Envelhecimento
Treinamento
Aptidão física
Equilíbrio
Issue Date: 31-May-2016
Citation: GONÇALVES, Karina Ferreira Lagôa. Efeitos do treinamento resistido com máquinas pneumáticas e resistência elástica progressiva na força, capacidade funcional e equilíbrio em mulheres idosas: um ensaio clínico randomizado. 2015. xi, 90 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação Física)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: INTRODUÇÃO: O envelhecimento populacional é um processo que acarreta diversas mudanças fisiológicas no indivíduo. Um dos principais problemas associados com o avanço da idade é a perda ou a diminuição da força que por sua vez está relacionada com a diminuição da capacidade funcional e independência. Uma das maneiras de intervir nesse processo é por meio do treinamento resistido (TR). O TR pode ser feito utilizando diversos tipos de materiais incluindo entre eles a resistência elástica progressiva (REP) e máquinas pneumáticas (MP). OBJETIVO:O objetivo desse estudo foi verificar e comparar os efeitos de 12 semanas de dois diferentes tipos de TR (MP e REP), na força muscular, equilíbrio e capacidade funcional de mulheres idosas. MÉTODOS: 54 mulheres foram alocadas randomicamente em dois grupos de 27 individuos cada: O Grupo de Treinamento Resistência Elástica (GTRE; n=27; idade = 67.55 ± 5.20 anos) e o Grupo Treinamento Máquina (GTM; n=27; idade = 69.34 ± 5.37 anos). O GTRE (67.55 ± 5.20) e GTM (69.34 ± 5.37) participaram do treino duas vezes por semana durante 12 semanas com 9 exercícios para ambos os grupos. O pico de torque(PT) isocinético para extensores de joelhos(PTEJ) e flexores de cotovelo(PTFC) nas velocidades de 60 º/s e 180 º/s, a força de preensão manual(FPP), o teste de sentar e levantar(TSL), o teste de flexão de cotovelo(TFC), o 8-foot up & go e o teste de alcance funcional(TAF) foram as variáveis dependentes medidas nos momentos pré e pós da intervenção. Todas as avaliações foram realizadas PRÉ e PÓS o período de intervenção. Para análise estatística descritiva verificou-se a normalidade dos dados através do teste de Shapiro-Wilk. Para comparar as variáveis dependentes entre os grupos e entre os momentos pré e pós-intervenção a análise de variância mista 2X2, testes t pareado e independente, Wilcoxon e U-Mann-Whitney foram aplicados. Os cálculos foram realizados no programa SPSS, para um índice de significância de p≤0,05. RESULTADOS: Os dois tipos de treinamento promoveram aumento estatisticamente significativo (p<0.001) para as variáveis dependentes de PTEJ60 º/s, PTEJ180 º/s, PTFC60 º/s , TFC, TSL e 8 foot up&go em ambos os grupos. Para o TAF e FPP nos dois grupos e no PT isocinético para flexores de cotovelo na velocidade angular de 180 º/s no GTRE não foram observadas diferenças estatisticamente significativas. CONCLUSÃO: Com base nos resultados apresentados, conclui-se que o TR com MP ou REP duas vezes por semana, durante doze semanas, resultam em melhorias na força e capacidade funcional de mulheres idosas. Palavras-Chaves: Envelhecimento, Treinamento Resistido, Força Muscular, Capacidade Funcional e Equilíbrio.
Abstract: INTRODUCTION: Natural population aging is a process that brings about several physiological transformations in an individual. One of the main issues associated with the advance in age is the loss or lowering in strength that, at the same time, is related to the diminishing in the labouring capacity and independence. One of the manners to intervene in that process the resistive training (RT). RT can be made by using several types of materials, including, among others, the elastic progressive resistance (EPR) and pneumatic machines (PM). OBJECTIVE: The purpose of this study was to verify and compare the the effects of 12-week of two different types of RT (PD and EPR), in muscle strength, balance and functional capacity of untrained elderly women. METHODS: 54 women were randomly allocated in 2 groups of 27 individuals each: The Elastic Resistance Training Group (ERTG; n=27; age=67.55 + 5.20 years) and the Machine Training Group (MTG; n=27; age=69.34 + 5.37 years). The ERTG and the MTG participated on the training twice a week during 12 weeks with nine exercises for both groups. The isokinetic Peak Torque (PT) for knee extensors(PTKE) and elbow flexors(PTEF) at the speed of 60 º/s and 180 º/s , Handgrip Strength (HS), the 30’ chair sit to stand(CST), the 30` arm curl test(ACT), the 8-foot up & go agility test and the Functional Reach Test(FRT) were the dependent variable measures in the moments of pre and post intervention. All evaluations were performed before and after the intervention period. We used descriptive statistics and verified the data normality by the Shapiro-Wilk test. To compare the dependent variables between groups and between pre- and post-intervention a mixed model 2X2 of analysis of variance (ANOVA) and paired t tests and independent, Wilcoxon and U-Mann-Whitney was used. The calculations were performed using SPSS for a p≤0,05 significance index RESULTS: Both types of training promoted statistically significant increase (p <0.001) for PTKE at 180º/s and 60 º/s; PTEF at 60º/s, CST, ACT and 8 foot up&go test in both groups. For the FRT and the HS in both groups and the isokinetic PT to elbow flexor in angular speed of 180 º/s on ERTG no difference statistically significant was found. CONCLUSION: Based on the presented results, it is concluded that the RT with PM or EPR twice a week, for twelve weeks, result in improvements in strength and functional capacity in elderly women.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação Física, Programa de Pós-Graduação Strictu-Sensu em Educação Física, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.08.D.20635
Appears in Collections:FEF - Mestrado em Educação Física (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20635/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.