Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/2059
Título: Educação a distância na Universidade de Brasília: uma trajetória de 1979 a junho de 2006
Autor(es): Martins, Luiz Roberto Rodrigues
Orientador(es): Kipnis, Bernardo
Assunto: Mudança institucional
Ensino a distância
Políticas públicas educacionais
Ensino superior
Data de publicação: 27-Out-2009
Data de defesa: 2006
Referência: MARTINS, Luiz Roberto Rodrigues. Educação a distância na Universidade de Brasília: uma trajetória de 1979 a junho de 2006. 2006. 180 f. Dissertação (Mestrado em Educação)-Universidade de Brasília, Brasília, 2006.
Resumo: Os objetivos dessa pesquisa centraram-se na descrição e análise das tentativas de institucionalização da EaD na Universidade de Brasília (UnB) no período de janeiro de 1979 a junho de 2006. Esse estudo de caso reuniu as diferentes iniciativas em uma escala temporal e permitiu apreciar criticamente as mudanças implementadas. Buscou analisar o processo de institucionalização da EaD na concepção neoinstitucional com base em três dimensões da universidade propostas por Clark(1987) e na dimensão tecnológica. A abordagem da dimensão histórica serviu para a análise das implicações e desdobramentos desses fatos nas dimensões do financiamento das ações, das condições tecnológicas e da influência das políticas públicas governamentais. A pesquisa reconheceu os padrões adotados para realização dos cursos e suas restrições para explicar porque a EaD ficou em uma posição periférica na UnB. Conclui-se que os diferentes atores institucionais, os critérios para tomadas de decisão, a tecnologia escolhida nos processos de implementação dos cursos, criaram restrições para a institucionalização plena dessa modalidade de educação na UnB. As concepções de educação, os conflitos internos entre os protagonistas e as questões estruturais disponíveis (financeiras e tecnológicas) restringiram o uso da EaD a poucos atores no espaço acadêmico nesse período. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The objectives of this research were centered in the description and analysis of the attempts made toward the institutionalization of Distance Learning Educational Programs at the University of Brasilia from 1979 to 2006. This case study put the different initiatives in a time scale and permitted the critical appreciation of the implemented changes. It searched to analyze the institutionalization of Distance Education under North’s (2002) views and based on Clark’s (1987) different dimensions of the university. The approaching of the historical dimension served to the analysis of the implications and consequences of these facts in the financing of the actions, the technological conditions and in the influences of the governmental public policies. The research recognized patters adopted to the implementation of the courses and its restrictions to explain why Distance Learning Education had a peripheral position in the University Policies all these years. It concluded that the different institutional actors, the criteria established to decision making and the technological ways chosen to implement the courses created restrictions to the institutionalization of this type of education in the UnB. The educational conceptions, the internal conflicts among the protagonists and the existing structural conditions (financial, technological and conditions established by public polices) restricted the use of Distance Education to a few actors in the academic space of the University in this period.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2006.
Aparece nas coleções:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2006_Luiz Roberto Rodrigues Martins.pdf913,94 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.