Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/20501
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_ThiaradeAlmeidaBernardes.pdf1,72 MBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFrizzas, Marina Regina-
dc.contributor.authorBernardes, Thiara de Almeida-
dc.date.accessioned2016-05-26T18:02:33Z-
dc.date.available2016-05-26T18:02:33Z-
dc.date.issued2016-05-26-
dc.date.submitted2015-07-10-
dc.identifier.citationBERNARDES, Thiara de Almeida. Contribuição ao conhecimento do gênero Coprophanaeus (Insecta: Coleoptera: Scarabaeidae) no Cerrado do Distrito Federal. 2015. vi, 54 f., il. Dissertação (Mestrado em Zoologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/20501-
dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Zoologia, 2015.en
dc.description.abstractO gênero Coprophanaeus Olsoufieff (1924) (Coleoptera: Scarabaeidae) compreende espécies preferencialmente necrófagas, que podem também ser atraídas, em menor número, por fezes de mamíferos. Ao utilizarem fezes e cadáveres como recursos alimentares e sítios de nidificação, esses besouros auxiliam na decomposição da matéria orgânica, na ciclagem dos nutrientes e na aeração do solo. Além disso, podem ser utilizados como bioindicadores da qualidade ambiental, já que respondem a alterações no ambiente. Os objetivos do trabalho foram: a) atualizar o estado do conhecimento do gênero Coprophanaeus no Distrito Federal, de acordo com material disponível nos principais museus e coleções entomológicas brasileiras; b) diagnosticar as lacunas de informações para esse gênero no Distrito Federal; c) responder algumas dessas lacunas, quanto às localidades e fitofisionomias de Cerrado não amostradas. Ao todo, 11 coleções entomológicas foram consultadas e em quatro havia informações sobre as espécies de Coprophanaeus registradas no Distrito Federal. A partir dos dados obtidos nas coleções, 1.561 exemplares de Coprophanaeus foram registrados no DF, distribuídos em quatro espécies: C. cyanescens, C. ensifer, C. horus e C. spitzi. As fitofisionomias cerrado sensu stricto e cerradão foram as mais estudadas no DF e pitfall, seguido de interceptação de voo, capturaram o maior número de indivíduos. Cerca de 52% dos Coprophanaeus foram atraídos por carne em decomposição e, aproximadamente, 45% foram coletados por pitfalls sem isca. A mata de galeria é uma fitofisionomia pouco amostrada na região. Unidades de Conservação como o Parque Nacional de Brasília (PNB) e a Floresta Nacional de Brasília (FLONA) não apresentam estudos de levantamento de espécies do gênero Coprophanaeus. Com base nesse diagnóstico, foram amostradas quatro áreas de mata de galeria (FAL, FLONA, IBGE e PNB) e três áreas de cerrado sensu stricto (FLONA, IBGE e PNB) no DF, utilizando pitfalls sem isca e iscados com carne em decomposição e fezes humanas. Ao longo de dois períodos chuvosos (novembro de 2013 a março de 2014 e dezembro de 2014 a abril de 2015) foram coletados 274 espécimes e 4 espécies de Coprophanaeus. A espécie C. dardanus, capturada em mata de galeria (FAL), teve sua ocorrência registrada pela primeira vez no Distrito Federal. Em cerrado sensu stricto foram coletados 84 indivíduos, pertencentes a 3 espécies e em mata de galeria 189 indivíduos, distribuídos em 3 espécies. Os pitfalls com isca de carne em decomposição capturaram 210 indivíduos e os com fezes humanas 63. O número de espécies de Coprophanaeus que ocorrem no Distrito Federal pode ser maior, pois ainda há escassez de estudos na região.en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleContribuição ao conhecimento do gênero Coprophanaeus (Insecta: Coleoptera: Scarabaeidae) no Cerrado do Distrito Federalen
dc.typeDissertaçãoen
dc.subject.keywordMatas de galeriaen
dc.subject.keywordNecrófagasen
dc.subject.keywordFitofisionomiaen
dc.subject.keywordCerrados - Brasília (DF)en
dc.rights.licenseA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.en
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.26512/2015.07.D.20501-
dc.description.abstract1The genus Coprophanaeus Olsoufieff (1924) (Coleoptera: Scarabaeidae) covers preferably necrophagous species, which may also be attracted in a smaller number to mammalian excrement. By using excrement and dead bodies as food resources and nesting sites, these beetles assist in the decomposition of organic matter in the cycling of nutrients and soil aeration. Furthermore, they can be used as biomarkers of environmental quality, since they respond to changes in the environment. The objectives were: a) assess how much was known about the genus Coprophanaeus in Distrito Federal, according to material available in major museums and Brazilian entomological collections; b) diagnose the information gaps for this genus in Distrito Federal; c) answer some of these gaps, concerning the locations, Cerrado vegetation types not sampled. In all, 11 entomological collections were consulted and four had more information about the Coprophanaeus in Distrito Federal. From the data obtained in the collection, 1.561 Coprophanaeus were recorded in Distrito Federal and distributed in 4 species: C. cyanescens, C. ensifer, C. horus and C. spitzi. The phytophysionomy cerrado sensu stricto and cerradão were the most studied in Distrito Federal until the moment and the pitfall trap, followed by the flight interception collected the hightest number of individuals. About 52% of Coprophanaeus were attracted to carrion and approximately 45% were collected by pitfalls without bait. Gallery forest is a phytophysionomy area with few samples in the region and units of conservation like the Parque Nacional de Brasília (PNB) and the Floresta Nacional de Brasília (FLONA) currently there is no survey study of the species Coprophanaeus genus. Based on this diagnosis, were sampled four gallery forest areas (FAL, FLONA, IBGE, and PNB) and three areas of cerrado sensu stricto (FLONA, IBGE and PNB) in Distrito Federal, using pitfalls without bait and baited with carrion and human feces. Over two rainy periods, November 2013 to April 2015, 274 specimens were collected and 4 species of Coprophanaeus. The species C. dardanus, captured in gallery forest (FAL), is reported for the first time in Distrito Federal. In cerrado sensu stricto were collected 85 individuals from three species and gallery forest 189individuals, distributed in three species. The pitfalls baited with carrion captured 210 and with human feces 63. The number of the species of Coprophanaeus occurring in the Distrito Federal may be higher, since there is still scarcity of studies in the region.-
Appears in Collections:IB - Mestrado em Zoologia (Dissertações)

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20501/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.