Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/19831
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_PriscilaCâmaradeAraújo.pdf3,05 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Uso da modelagem digital de terreno e de superfície para a estimativa do potencial de verticalização na região do campo de marte (SP)
Outros títulos: Use of digital terrain and surface modeling to estimate the vertical expansion potencial in the campo de marte (SP)
Autor(es): Araújo, Priscila Câmara de
Orientador(es): Carvalho Júnior, Osmar Abílio de
Coorientador(es): Gomes, Roberto Arnaldo Trancoso
Assunto: Modelo Digital de Terreno (MDT)
Modelos Digitais de Superfície (MDS)
Planejamento territorial
Ordenamento territorial
Tem de alta velocidade - Brasil
Data de publicação: 1-Abr-2016
Referência: ARAÚJO, Priscila Câmara de. Uso da modelagem digital de terreno e de superfície para a estimativa do potencial de verticalização na região do campo de marte (SP). 2015. 39 f., il. Dissertação (Mestrado em Geografia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: O planejamento da ordenação territorial é imprescindível para o crescimento das cidades. Os Planos Diretores têm papel fundamental no estabelecimento de diretrizes para ocupação dos espaços. A implantação do Trem de Alta Velocidade brasileiro aumenta as possibilidades de relações entre centros urbanos e impacta a ordenação do território, especialmente as áreas de implantação das estações. Nesse sentido, a modelagem digital torna-se uma ferramenta importante no planejamento da ocupação dos terrenos, tendo em vista que os Modelos Digitais de Terreno (MDT) e os Modelos Digitais de Superfície (MDS) fornecem informações do terreno e dos elementos sobre a superfície. Para o desenvolvimento deste trabalho, foi escolhida a região do Campo de Marte (SP), uma das regiões previstas para implantação de uma estação do TAV Brasil, com o objetivo testar uma metodologia de trabalho que auxilie na estimativa das potencialidades de verticalização em torno da estação, modelando uma simulação de mudança de gabarito na área. Utilizando ortofotos e o MDS produzidos em 2010/2011, pela a Empresa Paulista de Planejamento Metropolitnao (Emplasa) e, disponibilizados pela Empresa de Planejamento e Logística (EPL) do governo federal, foi feito o mapeamento das ruas e edificações da área de influência indireta do Campo de Marte e a construção do MDT. Foi calculado o volume de ocupação atual da área pela diferença dos valores de elevação obtidos pelo MDS e MDT para dentro da área da estrutura predial multiplicado pela área desta estrutura. Os resultados obtidos foram a classificação das edificações atuais e a verificação de que a área de estudo ainda possui um grande potencial de verticalização permitido pelo plano diretor (cerca 5 milhões de metros cúbicos).
Abstract: The growth of cities is dynamic and constant and is essential to planning the territorial ordination. The Directive Plans play a fundamental role in the establishment of guidelines and strategies for the space occupation. The implementation of the brazilian High Speed Train increase the chance of relations between urban centers and impacts land use planning. In this sense, digital modeling becomes an important tool in planning the occupation of the land, given that the Digital Terrain Models (DTM) and the Surface Digital Models (MDS) provide the land information and evidence on the surface .To develop this work, it was chosen the region of Campo de Marte (SP), one of the areas provided for implementation of a station TAV Brazil, aiming to predict the potential for occupation around the station. Using orthophotos and MDS produced in 2010/2011 by the Paulista Company of Metropolitan Planning (Emplasa) and made available by the federal government Company for Planning and Logistics (EPL), has done the mapping of streets and buildings in the area of indirect influence of the Campo de Marte and the construction of the MDT. We calculated the volume of the current occupation of the area by the difference in elevation values obtained by MDS and MDT and into the area of the building structure multiplied by the area of this structure. The results were the classification of current buildings and verification that the study area still has great potential for vertical expansion allowed by the directiver plan (about 5 million cubic meters), and when simulated (to a height of 87 meters) the triples value.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia, 2015.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.D.19831
Aparece nas coleções:GEA - Mestrado em Geografia (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.