Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1960
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_BioéticaFeministanaAmérica (2).pdf79,14 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Bioética feminista na América Latina : a contribuição das mulheres
Autor(es): Guilhem, Dirce
Diniz, Debora
Assunto: Bioética - América Latina
Bioética feminista - América Latina
Data de publicação: 2008
Referência: DINIZ, Debora; GUILHEM, Dirce. Bioética feminista na América Latina: a contribuição das mulheres. Revista Estudos Feministas, Florianópolis, v. 16, n. 2, p. 599-612, maio/ago. 2008. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ref/v16n2/15.pdf>. Acesso em: 15 out. 2009.
Resumo: A bioética se consolidou no Brasil em finais dos anos 1990. Um fenômeno semelhante ocorreu em outros países da América Latina, em especial na Argentina, no Chile e no México. Nesse processo de consolidação, as mulheres assumiram diferentes papéis: ora de protagonistas acadêmicas da bioética, ora de interlocutoras da bioética no espaço público. Essa dupla inserção é marca registrada das mulheres na bioética latino-americana e é parte da biografia das autoras deste ensaio. Este ensaio é uma peça biográfica e genealógica da bioética latinoamericana e brasileira em particular. O fio condutor da narrativa são experiências vividas pelas autoras nesse duplo papel de protagonismo acadêmico e de interlocução política da bioética.
Aparece nas coleções:ENF - Artigos publicados em periódicos
SER - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons