Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/19071
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_ThiagoFurtadodeOliveira.pdf819,29 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Plasticidade no comportamento acústico de Molossops temminckii (Chiroptera: Molossidae)
Autor(es): Oliveira, Thiago Furtado de
Orientador(es): Aguiar, Ludmilla Moura de Souza
Assunto: Ecolocalização
Bioacústica
Morcegos
Data de publicação: 4-Jan-2016
Referência: OLIVEIRA, Thiago Furtado de. Plasticidade no comportamento acústico de Molossops temminckii (Chiroptera: Molossidae). 2015. iv, 47 f., il. Dissertação (Mestrado em Zoologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Resumo: A ecolocalização é um sistema sensorial ativo que certos animais utilizam para orientar-se no ambiente por meio do som e para captura de alimento. Morcegos da família Molossidae possuem asas estreitas e longas para o voo rápido, com pouca manobrabilidade, adaptados ao forrageio em ambientes sem obstáculos, ou abertos. No entanto, alguns morcegos dessa família, como Molossops temminckii, exploram outros ambientes e possuem grande plasticidade acústica. Esse pequeno molossideo apresenta uma peculiaridade que é a emissão de um chamado de frequência modulada ascendente, UFM. O objetivo desse estudo foi preencher a lacuna de conhecimento sobre o repertório acústico de M. temminckii em diferentes ambientes, e obter os primeiros registros acústicos da espécie para o Brasil. Foram gravados os chamados de cinco fêmeas e cindo machos em quatro tratamentos e dois ambientes, ambiente com obstáculos e ambiente sem obstáculos. Por meio de uma análise de variânçia (ANOVA), verifiquei diferença significativa nos parâmetros analisados dos chamados de M. temminckii entre ambiente com e sem obstáculos. Nos ambientes fechados M. temminckii utiliza curtos chamados de frequência modulada descendente com pequenos intervalos entre os pulsos para evitar a sobreposição dos ecos e manter uma janela livre de obstáculos. Em ambientes abertos M. temminckii emite pulsos UFM com maior duração e menor amplitude de banda. Também foi observado que em Brasília, emitem chamados mais curtos e com maior frequência mínima do que os gravados na Venezuela. A menor duração pode estar relacionada à altura de voo de M. temminckii, que provavelmente é maior na Venezuela, em decorrência das características de vegetação enquanto a frequência mínima pode ser um traço individual ou da população. As diferenças encontradas nos chamados de M. temminckii entre os ambientes e entre os morcegos do Brasil e da Venezuela evidenciam a necessidade, já relatada na literatura, em se conhecer melhor o repertório acústico das espécies. É importante conhecer os chamados não apenas entre os tipos de ambientes, mas também em nível regional, para uma identificação apurada em inventários acústicos. Assim, esse trabalho preencheu a lacuna dos tipos de chamados que M. temminckii emite em ambientes fechados, e contribuiu com registros acústicos de M. temminckii para o país, permitindo agora a identificação precisa em inventários e monitoramentos para o Brasil. ______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Echolocation is an active sensorial system whereby some animals use sound for orientation and food obtainment in their environment. Bats of the Molossidae family have long narrow wings for flying fast, but little maneuverability, adapted for hunting without obstacles, in open areas. Nonetheless, some bats of this family, like Molossops temminckii can explore others environments having great acoustic plasticity. This small molosside shows a peculiarity, that is the emission of calls with upward frequency modulated UFM. The goal of this study was to fill the gap of knowledge about the acoustic repertoire of M. temminckii in different environments and to obtain the very first acoustic recording for this species in Brazil. In Brasília we recorded the calls of five males and five females in four treatments and two environments, indoors or highly cluttered space (hall of Department of Zoology from University of Brasilia and tend) and outdoors (zip-line and hand release). With ANOVA, we detected significant differences in M. temminckii calls between cluttered (indoors) and uncluttered environments (outdoors). In cluttered space M. temminckii use short downward frequency modulated (DFM) calls with small intervals between calls to avoid overlapping echoes and to keep a free window view of clutter. In open space M. temminckii emits longer UFM calls with shorter bandwidth. In Brasília, bats emit shorter calls with higher minimum frequency when compared with bats recorded in Venezuela. The shorter duration may be related to flight height, which is probably greater in Venezuela, due to the characteristics of the vegetation, while minimum frequency may be an individual or population trace. The differences found in M. temminckii calls between environments and between the bats of Brazil and Venezuela, highlight the need for studies on the acoustic repertoire of the species, for more precise identification. It is important to analyse the calls, not only based upon the differences in environments and degree of clutter, but also at a regional level to allow a refined identification of the species for acoustic sampling. This study also contributes with acoustic records of M. temminckii for the country, allowing us, now, precise identification of this species for future sampling and ecological monitoring studies in Brazil.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Zoologia, Programa de Pós-Graduação em Zoologia, 2015.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IB - Mestrado em Zoologia (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.