Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/19014
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_MarianaAndreHonoratoFranzoi.pdf72,97 MBAdobe PDFView/Open
Title: Audição musical como intervenção de enfermagem para alívio da ansiedade na criança em situação cirúrgica : ensaio clínico randomizado
Other Titles: Music listening as a nursing intervention to relieve anxiety in children undergoing surgery : a randomized controlled trial
Authors: Franzoi, Mariana André Honorato
Orientador(es):: Martins, Gisele
Assunto:: Crianças - cirurgia
Ansiedade
Música
Enfermagem pediátrica
Issue Date: 21-Dec-2015
Citation: FRANZOI, Mariana André Honorato. Audição musical como intervenção de enfermagem para alívio da ansiedade na criança em situação cirúrgica: ensaio clínico randomizado. 2015. 113 f., il. Dissertação (Mestrado em Enfermagem)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: Introdução: A hospitalização em pediatria é um evento marcante na vida de crianças e de suas famílias e, geralmente, tende a ser um evento traumático e estressante, ainda mais se estiver associada à realização de procedimentos cirúrgicos. A ansiedade é uma das principais reações da criança relacionada à cirurgia. Dentre as estratégias de cuidado, a intervenção musical tem sido cada vez mais utilizada na assistência de enfermagem como terapia complementar para promover relaxamento, conforto emocional e espiritual, distração, alívio da dor e da ansiedade em pacientes hospitalizados. Objetivo: investigar o efeito da audição musical nos níveis de ansiedade pré-operatória de crianças submetidas a cirurgias eletivas em uma clínica cirúrgica pediátrica. Como objetivo secundário, foi analisado o estado emocional auto-referido pelos acompanhantes em relação ao processo cirúrgico da criança. Método: Tratou-se de um estudo piloto do tipo ensaio clínico controlado e randomizado realizado, no período de setembro de 2014 a abril de 2015, no Hospital Materno Infantil de Brasília, hospital público de referência para o atendimento de crianças acometidas por afecções cirúrgicas. Os participantes foram alocados aleatoriamente para o grupo experimental, submetido à audição de músicas por 15 minutos, ou grupo controle, que não ouviu música, apenas recebeu o cuidado padrão da clínica. As variáveis de desfechos avaliadas consistiram na frequência cardíaca, pressão arterial sistólica e diastólica, frequência respiratória, saturação de oxigênio e manifestação comportamental de ansiedade. Os sinais vitais foram mensurados a partir de aparelhos eletrônicos específicos e a ansiedade por meio da Escala de Ansiedade Pré-Operatória de Yale (EAPY-m), ambos mensurados na chegada da criança à clínica e 15 minutos após a primeira mensuração. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa e registrada na plataforma do Registro Brasileiro de Ensaios Clínicos. Resultados: 52 crianças, de 3 a 12 anos de idade, submetidas a cirurgias eletivas foram aleatoriamente alocadas para o grupo audição (n=26) e grupo controle (n=26). Em ambos os grupos, houve predomínio de crianças do sexo masculino, submetidas principalmente a cirurgias do trato geniturinário. Em relação ao nível de ansiedade pré-operatória, não houve diferença estatisticamente significativa entre os dois grupos, porém verificou-se que o grupo experimental apresentou redução estatisticamente significativa dos escores de ansiedade (p=0,0441), indicando que 15 minutos de audição foi um tempo efetivo para a intervenção musical. Verificou-se, ainda, uma diminuição estatisticamente significativa da frequência respiratória entre pré-escolares do grupo experimental em comparação aos do grupo controle na segunda mensuração (p=0,0453). A partir da entrevista realizada com os acompanhantes das crianças, constatou-se que a maioria referiu sentir medo, nervosismo, ansiedade e preocupação em relação ao processo cirúrgico, o que aponta para a necessidade de considerar a família no contexto do cuidado cirúrgico pediátrico, principalmente em relação a orientações sobre a anestesia. Conclusão: A audição musical por um tempo mínimo de 15 minutos apresenta-se como uma potencial e efetiva intervenção de enfermagem para o alívio da ansiedade pré-operatória em crianças em situação cirúrgica.
Abstract: Introduction: Pediatric hospitalization tends to be a traumatic and stressful event in children’s lives and their families, especially if it is associated with surgical procedures. Anxiety is one of the main child’s reactions related to the surgery. Among some care strategies, the musical intervention has been increasingly used in the nursing care as a complementary therapy to promote relaxation, emotional and spiritual comfort, distraction, pain and anxiety relief in hospitalized patients. Objective: To investigate the effect of music listening on the levels of preoperative anxiety in children undergoing elective surgery in a pediatric surgical inpatient unit. As a secondary objective, a parental self-report considering that their children were undergoing surgery procedures was obtained and analyzed with regard to their emotional profile. Method: It was a pilot randomized controlled trial, carried out from September 2014 to April 2015, at the Hospital Materno-Infantil in Brasilia, a public tertiary hospital and especialized in the care of children affected by surgical conditions. Participants were randomly allocated to one of two groups: the experimental group which was under music listening for 15 minutes or control group which did not listen to music, but only received the standard care provided at the surgical clinic. The main outcomes variables were: heart rate, systolic and diastolic blood pressure, respiratory rate, oxygen saturation and behavioral manifestations of anxiety. Vital signs were measured by means and anxiety level was obtained by the Preoperative Anxiety Scale Yale (YPAS-m), both measured at the child’s clinic arrival and 15 minutes after the first measure. The study was approved by the Research Ethics Committee and registered in the Brazilian Registry of Clinical Trials platform. Results: Out of 52 children undergoing elective surgery, at 3 years old up to 12 years old, were randomly allocated to the music listening group (n = 26) and control group (n = 26). Both groups have a predominance of male children and the type of genitourinary surgery. Regarding the level of preoperative anxiety, there was no statistically significant difference between the two groups, but it was found that the music listening group showed a statistically significant reduction in their anxiety scores (p = 0.0441), suggesting that 15 minutes of listening was an effective time to the music intervention. There was also a statistically significant decrease in respiratory rate among preschool children in the experimental group compared to the control group, specifically in the second measure (p = 0.0453). Taking into account the parental interviews, it was found that the vast majority of them reported feeling of fear, anxiety and concern about the surgical procedure which have highlighted to the importance to include the family in the context of pediatric surgical care, mainly in relation to the information about anesthesia. Conclusion: Music listening for 15 minutes minimally has showed to be a potentially effective nursing intervention for the preoperative anxiety relief in children undergoing surgical procedures.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.08.D.19014
Appears in Collections:ENF - Mestrado em Enfermagem (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/19014/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.