Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1893
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2006_Maria Fernanda Scian Meneghin.pdf608,79 kBAdobe PDFView/Open
Title: Calibração de nitrogênio para o trigo, em solo do Distrito Federal
Authors: Meneghin, Maria Fernanda Scian
Orientador(es):: Oliveira, Sebastião Alberto de
Assunto:: Adubos e fertilizantes
Nitrogênio na agricultura
Fertilidade do solo
Trigo
Issue Date: 21-Jul-2006
Citation: MENEGHIN, Maria Fernanda Scian. Calibração de nitrogênio para o trigo, em solo do Distrito Federal. 2006. 92 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias)-Universidade de Brasília, Brasília, 2006.
Abstract: A maioria dos solos brasileiros apresenta baixos teores de nitrogênio disponível, o que torna necessário a aplicação de adubos nitrogenados para suprir as necessidades das plantas. Com o objetivo de realizar o teste de calibração do nitrogênio para a cultura do trigo, um experimento de campo foi instalado em um Latossolo Vermelho, no ano agrícola 2004/2005, no campo experimental da Embrapa Cerrados. Foi utilizado o delineamento experimental de blocos ao acaso com seis repetições. Os tratamentos foram cinco doses de N (70-140-210-280-350 kg ha-1) e uma testemunha (sem aplicação de adubo nitrogenado). Amostras das camadas de 0-20 cm e de 20-40 cm foram coletadas e quatro diferentes extratores químicos foram utilizados para a avaliação da disponibilidade de nitrogênio. Os maiores coeficientes de determinação obtidos pela regressão quadrática entre o rendimento de grãos de trigo e o N extraído pelos diferentes extratores foram observados nas análises das amostras da camada de 0-20 cm, indicando essa camada como a mais indicada para as análises de rotina de N. O ordenamento dos extratores em função dos melhores valores de R2, para a camada de 0-20 cm foi: KCl 2M a 100ºC (R2 = 0,997**) >H2O2/MnO2 (R2 = 0,992**) > tampão pH11,2+ NO3 - (R2 = 0,985**) > tampão pH11,2 (R2 = 0,960**). A aplicação do adubo nitrogenado influenciou os teores de N na planta, sendo o tratamento que não recebeu o nutriente o que apresentou os menores teores de N no grão, na folha bandeira e no conjunto haste+folha. A cultura respondeu positivamente à adubação nitrogenada, até a dose de 140 kg de N ha-1. A dose econômica de N variou de 42 kg de N ha-1 até 114 kg de N ha-1, considerando três relações preço do kg de N/preço do kg de trigo. Os níveis críticos fisioeconômicos de N, para uma relação n/w de 5/1, foram: 87 mg kg-1 (H2O2/MnO2), 84 mg kg-1 (KCl 2M a 100°C), 80 mg kg-1 (tampão pH11,2+NO3 -), e 60 mg kg-1 (tampão pH11,2). _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Most agricultural soils in Brazil have low levels of available N. Therefore, it is necessary to apply N fertilizers to meet the plants demands. In order to calibrate N for wheat, a yield trial was carried out on a Red Latossol, during the 2004/2005 agricultural year, at the Embrapa Cerrados Research Station. A randomized block design was used, with six replications. The treatments were five doses of N (70-140-210-280-350 kg ha-1) and one control (no nitrogen fertilization). Soil samples were collected at layers of 0-20 cm and 20-40 cm and four different chemical extractors were used to estimate the nitrogen availability. The highest determination coefficients were obtained for the 0-20 cm samples, suggesting this is the layer for routine N analysis for wheat. The order of the extractors, according to the highest R2, at the 0-20 cm layer was: KCl 2M a 100ºC (R2 = 0.997**) >H2O2/MnO2 (R2 = 0.992**) > buffer pH11.2+ NO3 - (R2 = 0.985**) > buffer pH11.2 (R2 = 0.960**). The amount of N in the plant was affected by nitrogen fertilization. The treatment where N was not applied showed the lowest amounts of N in grain, leaf, and stem+leaf. Wheat productivity was affected positively by N fertilization, with increasing production up to 140 kg N ha-1. The economic dose of N varied from 42 kg N ha-1 up to 114 kg N ha-1, considering three different price of N/price of the product ratio (n/w). The physiological-economic critical levels of N, obtained for a 5/1 n/w ratio, were: 87 mg kg-1 (H2O2/MnO2), 84 mg kg-1 (KCl 2M at 100°C), 80 mg kg- 1 (buffer pH11.2+NO3 -), and 60 mg kg-1 (buffer pH11.2).
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2006.
Appears in Collections:FAV - Mestrado em Ciências Agrárias (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1893/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.