Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/18893
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_PaulaOterodosSantos.pdf1,72 MBAdobe PDFView/Open
Title: Jango : uma quimera? : representações de João Goulart e de seu governo em livros didáticos de história e em cine-documentários brasileiros (1984-2013)
Authors: Santos, Paula Otero dos
Orientador(es):: Silva, Edlene Oliveira
Assunto:: Goulart, João, 1918- 1976
Brasil - história - Revolução, 1964
História - estudo e ensino
Livros didáticos - História
Issue Date: 11-Dec-2015
Citation: SANTOS, Paula Otero dos. Jango: uma quimera?: representações de João Goulart e de seu governo em livros didáticos de história e em cine-documentários brasileiros (1984-2013). 2015. 144 f., il. Dissertação (Mestrado em História)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: Esta dissertação analisa as representações sobre João Goulart, seu governo e o desfecho do período democrático de 1945-1964 em duas fontes específicas: os livros didáticos e os cine-documentários. Os livros didáticos investigados são os selecionados pelos professores e, consequentemente, os mais comprados pelo Ministério da Educação em 2013. Três cine-documentários foram escrutinados: Jango (1984), de Silvio Tendler; O dia que durou 21 anos (2013), de Camilo Tavares; e Dossiê Jango (2013), de Paulo Henrique Fontenelle. A maioria dos livros didáticos reproduz representações históricas ligadas aos críticos de João Goulart, utilizando, frequentemente, adjetivos como populista, sindicalista, fraco, comunista e socialista para se referir ao presidente deposto pela Ditadura Militar. Essas representações caracterizam-se também por uma abordagem estruturalista e por uma história política factual no esforço de compreensão do fim da democracia em 1964. Os cine-documentários apontam para uma outra direção, com adjetivações mais positivas de Jango (democrático, pacífico, nacionalista) e com abordagens que questionam – por meio, por exemplo, da valorização do apoio estadunidense ao golpe – a responsabilidade atribuída a João Goulart na crise de 1964. Os dois tipos de fontes analisados foram escolhidos por colaborarem para a formação histórica de grande parte dos estudantes que passam, nos dias de hoje, pelo ensino médio. O diálogo entre esses tipos de fonte possibilita um ensino pluriperspectivado, o que contribui para o questionamento de representações consolidadas sobre Jango, seu governo e o Golpe de 1964.
Abstract: This dissertation analyzes the representations of João Goulart, his government and the outcome of the democratic period, from 1945 to 1964, in two specific sources: schoolbooks and documentary films. The schoolbooks investigated were evaluated by the National Guide Schoolbook (2012) and selected by teachers. Three documentary films were scrutinized: Jango (1984) by Silvio Tendler, O dia que durou 21 anos (2013) by Camilo Tavares and Dossie Jango (2013) by Paulo Henrique Fontenelle. We observed that most schoolbooks present representations linked to Goulart’s critics, frequently using adjectives such as populist, trade unionist, weak, communist and socialist to refer to the president deposed by the Military Dictatorship. These representations are also characterized by a structuralist approach and a factual political history in an effort to understand the end of democracy in 1964. The documentary films point to another direction by using more positive adjectives referring to Jango (democratic, peaceful, nationalist) and with approaches that question – for instance, by valuing the US support to the Coup – the responsibility assigned to Goulart for the 1964 crisis. Both sources were selected for collaborating with the historical formation of most students that currently attend high school. The use of these sources by teachers contributes to a multienvisaged teaching that contributes to questioning the consolidated representations we have about Jango, his government and the 1964 Coup.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de História, Programa de Pós-Graduação em História, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.07.D.18893
Appears in Collections:HIS - Mestrado em História (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/18893/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.