Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1889
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_ClaudiaMoraesCosta.pdf1,48 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Reciclagem e cidadania : a trajetória de vida dos catadores de material reciclável da comunidade Reciclo
Autor(es): Costa, Cláudia Moraes da
Orientador(es): Pato, Claudia Márcia Lyra
Assunto: Coletores de materiais recicláveis
Estilo de vida
Marginalidade social
Lixo - reciclagem
Cidadania
Data de publicação: 7-Out-2009
Referência: COSTA, Cláudia Moraes da. Reciclagem e cidadania: a trajetória de vida dos catadores de material reciclável da comunidade Reciclo. 2008. 168 f. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Resumo: A coleta seletiva e o papel dos catadores de material reciclável nesse processo constituemse fenômeno atual no contexto da sociedade moderna. Desse modo, o presente trabalho tem por objetivo analisar a trajetória de vida dos catadores de material reciclável da comunidade Reciclo, localizada na região administrativa de Taguatinga, Distrito Federal, considerando o processo de constituição da cooperativa de mesmo nome. Os referenciais teóricos adotados foram o da hermenêutica no sentido interpretativo de abertura para o processo de comunicação e análise dessas narrativas. O método utilizado baseou-se na relação dialógica como epistemologia do processo de encontro entre pesquisador e pesquisado. O pesquisado narrou sua trajetória de vida, descreveu e argumentou sobre fatos, situações, problemas e momentos significativos. Estas narrativas foram coletadas mediante entrevista semi-estruturada, tendo um roteiro como fio condutor de toda a conversa. Os recursos do método biográfico na modalidade trajetória de vida foram utilizados como forma de construção da análise biográfica. Participaram desta pesquisa 20 catadores os quais a média de idade é de 33, 25, sendo que 16 são mulheres, dos quais 15 faziam parte da cooperativa localizada na comunidade e os demais trabalhavam como catadores independentes. As análises biográficas geraram dois grandes indicadores: Os Processos de Exclusão dos catadores no decorrer dessas trajetórias e construção de novos caminhos neste percurso, no qual denominamos de emancipação. No primeiro indicador as trajetórias de vida apontaram para uma identidade pautada na exclusão, revelando negação e segregação dos direitos básicos do ser humano, bem como as significações que esta exclusão foi imprimindo nestes sujeitos sociais. Percebeu-se que esses processos de exclusão iniciam-se na infância e se estendem à vida adulta. Na infância os elementos identificados foram: a condição de extrema miséria que vivem seus pais e em conseqüência disso trilham os caminhos da emigração constante, a negação ao direito a infância, a inclusão no trabalho infantil e o abandono e ou não acesso a escolarização. Estes sujeitos sociais iniciam o trabalho como catador por terem sido excluídos do mercado formal e ou por já sobreviverem na informalidade. No segundo indicador a emancipação se constituiu relacionada à conscientização do trabalho e na busca de dar-lhe sentido, a ele e a própria vida. Alguns elementos constituíram esse processo: a tomada de consciência do trabalho e da sua realidade de sujeitos envolvidos na inclusão precária; a aproximação de outros grupos no sentido de estabelecerem o diálogo; o reconhecimento dos seus pares; a instauração da apropriação dos saberes presentes na vida e na condição do ser catador que o possibilitaram a organização da cooperativa Reciclo; o início das lutas por seus direitos em conjunto com as práticas para saírem da invisibilidade, essas pautada ao exercício de reconhecer-se como agente ambiental. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Selective collect and the role of the recyclable material waste-pickers in this process constitute themselves in a current phenomenon in the context of modern society. Thus, the present research aimed to analyze the trajectory of life of recyclable material waste-pickers of a community called Reciclo, located in the administrative region of Taguatinga, Distrito Federal, considering the process of constitution of the cooperative with the same name. The theoretical referential adopted were the hermeneutics in the interpretative sense of opening to the process of communication and analysis of narratives. The method used was based in the dialogic relation as epistemology of the process of meeting between researcher and researched. The researched narrated his trajectory of life, described and argued about facts, situations, problems and significant moments. These narratives were collected by semistructured interviews, having a route to follow as conductor thread of the entire conversation. The resources of the biographical method in the modality trajectory of life were used as a way of construction of the biographical analysis. Twenty waste-pickers participated of the research, who were with the average age of 33,25 years old , among them 16 women, of which 15 were part of the cooperative located in the community and the others worked as independent waste-pickers. The biographical analysis generated two major indicators: The process of exclusion of litter-pickers during these trajectories and construction of new ways in this journey, in which we call emancipation. In the first indicator, the trajectories of life pointed to an identity based on exclusion, revealing denial and segregation of basic rights of human beings, as well as the meanings that this exclusion was printing in these social subjects. It was noticed that these processes of exclusion begin in the childhood and extend to the adulthood. In the childhood, the indicated elements were: the condition of extreme misery where live their parents and, as a consequence, they move in the paths of constant emigration, the denial to rights of the childhood, the inclusion in the child labor and abandonment or lack of access to schooling. These social subjects begin to work as wastepickers for having been excluded from the formal market and or because they already survive in informality. In the second indicator, the emancipation was constituted related to the awareness to work and to the search of giving it sense, to it and to their own life. Some elements constituted this process: the awareness to work and their reality as individuals involved in precarious inclusion; the approximation of other groups to establish dialogue; the recognition of their pairs; the establishment of the appropriation of knowledge present in life and in the condition of being waste-pickers, which enabled the organization of the cooperative Reciclo; the start of fights for their rights together with the practices to leave the invisibility, these guided in the exercise of recognizing themselves as environmental agents.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2008.
Aparece nas coleções:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.