Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/18585
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_MariaCarolinadaCostaBraga.pdf388,97 kBAdobe PDFView/Open
Title: Retornar ao sentido de Freud : uma estratégia de teorização em Jacques Lacan
Authors: Braga, Maria Carolina da Costa
Orientador(es):: Chatelard, Daniela Scheinkman
Assunto:: Lacan, Jacques, 1901-1981 - crítica e interpretação
Psicanálise e cultura
Foucault, Michel, 1926-1984 - crítica e interpretação
Issue Date: 9-Oct-2015
Citation: BRAGA, Maria Carolina da Costa. Retornar ao sentido de Freud: uma estratégia de teorização em Jacques Lacan. 2015. 92 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica e Cultura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: Esta dissertação trata sobre a noção de retorno a Freud na obra de Jacques Lacan. Nosso objetivo central foi pesquisar acerca do significado desse movimento teórico por ele nomeado de retorno a Freud, no intuito de averiguar em que medida seria possível conferir-lhe um estatuto propriamente conceitual. Neste sentido, consideramos que mais do que uma mera contenda política, esta operação empreendida por Lacan parece apontar para algo que é próprio do campo psicanalítico, pois recoloca em vigor o caráter produtivo da impossibilidade de se abordar o objeto sem ser por ele radicalmente afetado. A definição de que o sentido deste retorno a Freud é o retorno ao sentido de Freud aponta para uma estratégia de teorização que se estabelece no esforço de tomar a obra freudiana no ponto preciso em que ela nos interroga e, desse modo, fazer jus a seu sentido. A chave de leitura para compreender em que consiste esse dispositivo foi o conceito de retorno a definido pelo filósofo francês Michel Foucault, a partir da discussão acerca da noção de autor em sua conferência O que é um autor?. O recurso à filosofia se justifica pelo entendimento de que ela fornece aqui de elementos essenciais para a reflexão acerca do modo como esse aspecto da experiência intelectual de Lacan pode ser pensado enquanto estratégia discursiva. Além disso, foram abordados aspectos gerais do percurso teórico de Lacan, com ênfase no modo como seu pensamento é elaborado no próprio caminho de inserção no campo psicanalítico. E por fim, considerando o retorno a Freud como um dispositivo discursivo utilizado pelo próprio Lacan, foram analisadas as caracterizações mais relevantes que o próprio autor fornece da estratégia em questão. Não houve a pretensão de apresentar uma análise exaustiva visando dar conta da totalidade de tais caracterizações, mas sim de verificar em que medida as definições trazidas por Lacan situam o retorno a Freud como um dispositivo discursivo que se refere a um método de abordagem da obra freudiana. ______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This dissertation deals with the notion of return to Freud in the work of Jacques Lacan. Our main purpose was to investigate the meaning of the theoretical movement that Lacan called as return to Freud, in order to assess to what extent it would be possible to give it a proper conceptual status. In this sense, it is assumed that more than a mere political strife, the operation undertaken by Lacan seems to point to something that is proper to the psychoanalytical field, since it puts back in place the productive character of the impossibility of approaching the object without being radically affected by it. The definition according to which the sense of this return to Freud is the return to the sense of Freud points to a strategy of theorization that is established as an effort to take Freud's work in the precise point in which it interrogates us, and thus to do justice to its sense. The key to understand what constitutes this device was the concept of return to set by the French philosopher Michel Foucault, which is presented in the discussion about the notion of author in the lecture What is an author?. Such use of philosophy is justified by the understanding that it provides here of essential elements for the reflection about how this aspect of the intellectual experience of Lacan can be thought of as a discursive strategy. In addition, general aspects of the theoretical trajectory of Lacan were addressed, with emphasis on how his thinking is forged during his own way of insertion into the psychoanalytical field. Finally, considering the return to Freud as a discursive device used by Lacan, we analyzed the most relevant characterizations that the author himself provides concerning the strategy in question. There was no claim to present an exhaustive analysis in order to account for all of these characterizations, but to assess to what extent the definitions brought by Lacan point the return to Freud as a discursive device that refers to a specific method of approaching the Freudian oeuvre.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PCL - Mestrado em Psicologia Clínica e Cultura (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/18585/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.