Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/17976
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_MariaAudenoraRufino.pdf1,34 MBAdobe PDFView/Open
Title: Responsabilidade social e ambiental corporativa : determinantes da divulgação de informação voluntária
Authors: Rufino, Maria Audenôra
Orientador(es):: Machado, Márcia Reis
Assunto:: Empresas - divulgação de informações
Responsabilidade social corporativa
Responsabilidade ambiental
Empresas
Issue Date: 24-Apr-2015
Citation: RUFINO, Maria Audenôra. Responsabilidade social e ambiental corporativa: determinantes da divulgação de informação voluntária. 2014. 99 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis)—Programa Multi-institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, João Pessoa, 2014.
Abstract: A responsabilidade social corporativa se refere às preocupações sociais relacionadas ao meio ambiente, aos recursos humanos e ao envolvimento com a comunidade. No contexto atual, a divulgação dos aspectos sociais e ambientais ainda se dá de forma voluntária, e a divulgação dessas práticas tem sido recorrente no ambiente corporativo. No entanto, a divulgação voluntária de informações sociais e ambientais não ocorre de forma homogênea, algumas empresas optam por evidenciar uma quantidade maior de informações e com maior riqueza de detalhes. Ciente a isso, esta pesquisa teve como objetivo identificar os fatores determinantes da divulgação voluntária de informações de caráter social e ambiental das empresas, no período de 2010 a 2012. Utilizou-se uma perspectiva multiteórica como respaldo para os possíveis fatores determinantes da divulgação voluntária social e/ou ambiental. As teorias utilizadas foram: a teoria da divulgação voluntária e as teorias baseadas na política social. A partir das teorias e dos estudos anteriores, construíram-se 6 hipóteses sobre os possíveis fatores determinantes da divulgação voluntária social (tamanho, concentração acionária, rentabilidade, leverage, setor regulado e reputação) e 8 hipóteses acerca dos prováveis fatores determinantes da divulgação voluntária ambiental (tamanho, concentração acionária, rentabilidade, leverage, setor regulado, reputação, auditoria e setor de atuação). A divulgação voluntária social e ambiental foi mensurada por meio de uma métrica de 80 itens, que possibilitaram a obtenção dos índices. O universo desta pesquisa foram as empresas de capital aberto listadas na BM&FBovespa, nos períodos de 2010 a 2012. A amostra foi composta pelas 100 empresas listadas na BM&FBovespa com ações mais negociadas durante os 12 meses do ano de 2012. Quanto aos modelos econométricos, utilizou-se painel com efeitos aleatórios estimado por GLS, tendo como variável dependente os índices de divulgação social e/ou ambiental, e variáveis independentes os prováveis fatores determinantes. Os resultados sugeriram que o tamanho da empresa, a rentabilidade, a reputação e o setor regulado foram fatores considerados determinantes da divulgação voluntária social. Sobre a divulgação voluntária ambiental, os resultados indicaram que o tamanho da empresa, a rentabilidade, a boa reputação das empresas, a regulamentação específica do governo, as empresas de auditoria e as empresas pertencentes a setores que exercem atividades econômicas de consideráveis impactos ambientais, foram fatores determinantes da divulgação voluntária ambiental.
Abstract: Corporate social responsibility refers to social concerns related to environment, human resources and community involvement. In the current context, disclosure of social and environmental aspects still gives voluntarily, and the disclosure of these practices have been recurrent in corporate environment. However, voluntary disclosure of social and environmental information does not occur homogeneously, some companies choose to show a greater amount of information and with richer details. Aware of this, this study aimed to identify the determinant factors of voluntary disclosure of social and environmental information of the companies, in the period 2010-2012. A multi-theoretical perspective was used as support for the possible determinant factors of social and/or environmental voluntary disclosure. The theories used were: the theory of voluntary disclosure and theories based on social policy. From the theories and previous studies, 6 hypotheses about the possible determinant factors of social voluntary disclosure (size, ownership concentration, profitability, leverage, regulated sector and reputation) and 8 hypotheses regarding the potential environmental determinant factors of voluntary disclosure (size, ownership concentration, profitability, leverage, regulated sector, reputation, audit and activity sector) were built. Social and environmental voluntary disclosure was measured by a metric of 80 items, which made possible obtaining indexes. The universe of this research were publicly traded companies listed on BM&FBovespa, in the periods from 2010 to 2012. The sample was composed of 100 companies listed on BM&FBovespa with more shares traded during the 12 months of 2012. As for econometric models, random effects panel estimated by GLS was used, with the dependent variable social and/or environmental disclosure indexes, and independent variables probable determinant factors. Results suggested the size of the company, profitability, reputation and the regulated sector were considered determinant factors of social voluntary disclosure. About environmental voluntary disclosure, results indicated that company size, profitability, good business reputation, specific government regulations, auditing firms and companies belonging to sectors that perform economic activities of considerable environmental impacts were determinant factors of environmental voluntary disclosure.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Programa Multi-Institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2014.12.D.17976
Appears in Collections:CCA - Mestrado em Ciências Contábeis (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/17976/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.