Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/17822
Título: Criação musical com o uso das TIC : um estudo com alunos de licenciatura em música a distância da UnB
Autor(es): Méio, Daniel Baker
Orientador(es): Marins, Paulo Roberto Affonso
Assunto: Música - aspectos sociais
Música e tecnologia - métodos de ensino
Tecnologia da informação e da comunicação
Aprendizagem cooperativa
Redes sociais
Data de publicação: 23-Mar-2015
Data de defesa: 3-Dez-2014
Citação: MÉIO, Daniel Baker. Criação musical com o uso das TIC: um estudo com alunos de licenciatura em música a distância da UnB. 2014. 178 f., il. Dissertação (Mestrado em Música)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: O objetivo da presente pesquisa foi o de investigar de que forma uma atividade de criação musical colaborativa com o uso tecnologias da informação e comunicação (TIC) pode auxiliar no processo de formação de professores de música do curso de Licenciatura em Música a distância da Universidade de Brasília (UnB). Para isso, foi desenvolvido um projeto de criação musical colaborativo com os alunos do polo de Anápolis cursando os últimos semestres. A fundamentação teórica parte das definições de educação a distância e dos princípios de educação musical a distância. É feita, então, uma análise do Projeto Político Pedagógico (PPP) do curso da UnB para avaliar o que é previsto em termos de criação musical e colaboração. Pra entender os seus efeitos no ensino, a aprendizagem colaborativa é discutida a partir da interatividade, da perspectiva sociocultural de Vygotsky, das metáforas de aprendizagem de Hakkarainen et al., e da relação entre cognição e aprendizagem colaborativa. A análise do uso das TIC traz autores discutindo as redes sociais e a videoconferência na educação. Em relação à educação musical, são discutidos o uso e os parâmetros para a criação musical, e a notação tradicional de música. O projeto foi desenvolvido dentro da linha da pesquisa-ação, utilizando o software de videoconferência Skype, um grupo na rede social Facebook, e o editor de partituras online Noteflight, e ocorreu em três fases: primeiro, com um encontro com os alunos no Polo, segundo, através de videoconferências via Skype para tirar dúvidas e, terceiro, com a criação de uma peça musical conjunta com suporte do grupo criado no Facebook e do Noteflight. A coleta de dados foi feita através de um questionário auto-administrado e dos dados gerados pela atividade dos participantes na página do grupo no Facebook. Esses dados foram analisados de forma quantitativa e qualitativa. Os resultados indicam a necessidade de haver mais atividades de criação musical e de colaboração, e que o objetivo dessas atividades deve ser explicitado aos licenciandos. Além disso, as TIC utilizadas ajudaram no desenvolvimento do projeto colaborativo, favorecendo a interação e oferecendo ferramentas úteis ao trabalho de criação musical. A pesquisa mostra ainda a existência de vários possíveis benefícios decorrentes da participação dos licenciandos no projeto: competência no uso das TIC e de sítios variados para o ensino da música, incorporação da colaboração na prática de ensino, enriquecimento do conteúdo utilizado, entre outros. Espera-se que esta pesquisa possa contribuir com as pesquisas na área de educação musical, da aprendizagem colaborativa e da formação a distância do professor de música. ____________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This project aimed to evaluate how a collaborative music creation project using information and communication technologies (ICTs) may help train music teachers in the distance learning Music Teaching degree of the University of Brasília (UnB). A collaborative music creation project was developed with the students in the final semesters of the course at the Anápolis support center. The theoretical foundation was based on the principles of distance education and distance music education, followed by an analysis of the Political-Pedagogical Project (PPP) of the UnB course to evaluate expectations concerning musical creation and collaboration. The discussion of collaborative learning includes interactivity, Vygotsky's sociocultural theory, Hakkarainen et al.'s learning metaphors, and the relationship between cognition and collaborative learning, in order to understand its effects on teaching. In the literature, the discussion of the use of ICTs for education focuses on social networks and videoconferencing. In relation to music education, it includes the use of music creation and its parameters and the traditional music notation. The project was developed within the framework of action research, using the software Skype as the videoconference platform, a group in the social network Facebook, and the online music notation software Noteflight. The research had three stages: first, an initial encounter with the Anápolis students, second, videoconferences via Skype to solve questions, and third, the creation of a group music piece with the support of the Facebook group and Noteflight. Data collection was based on self-administered questionnaires and data generated by each participant's activity in the Facebook group page. These data were analyzed both quantitatively and qualitatively. The results indicate the need for more music creation and collaboration assignments. In addition, the goal of these activities needs to be explicitly described to the students. The use of ICTs helped develop the collaborative project, favoring the interaction among students and offering useful tools for the music creation process. This research also revealed several possible benefits of the prospective teachers’ participation in the project, such as acquiring skills to use ICTs and various sites for music education, incorporating collaboration as a teaching tool, and improving the content of the course, among others. The present study should contribute to research on music education, collaborative learning, and distance training of music teachers.
Descrição: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Programa de Pós-Graduação Música, 2014.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IdA - Mestrado em Música (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_DanielBakerMéio.pdf7,28 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.