Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/17387
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_NormaraYaneMardaCosta.pdf2,9 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Estudo geoquímico e de contaminantes emergentes na bacia do lago Paranoá
Autor(es): Costa, Normara Yane Mar da
Orientador(es): Boaventura, Geraldo Resende
Assunto: Geoquímica
Bacias hidrográficas - Paranoá, Lago (DF)
Água - análise
Data de publicação: 16-Dez-2014
Referência: COSTA, Normara Yane Mar da. Estudo geoquímico e de contaminantes emergentes na bacia do Lago Paranoá. 2014. 118 f., il. Dissertação (Mestrado em Geociências Aplicadas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Resumo: Neste trabalho foi realizado o estudo geoquímico e de contaminantes emergentes na bacia do lago Paranoá. Teve como objetivo avaliar a qualidade, identificando quais as principais fontes dos elementos e substâncias, distinguindo o natural do antrópico. A bacia do lago Paranoá está localizada na região central do Distrito Federal entre as latitudes 15º 35' e 15º 59' a sul e longitudes 47º 47' e 48º 05', tendo como afluentes principais os ribeirões do Riacho Fundo, Gama e Cabeça de Veado ao sul e os ribeirões do Bananal e Torto ao norte e outros pequenos tributários. A determinação das amostras de água utilizou técnicas de espectrometria de emissão ótica com plasma indutivamente acoplado (ICP/OES), espectrometria de Absorção Atômica (AAS), cromatografia iônica (IC) com condutividade suprimida, cromatografia líquida acoplada à espectrometria de massa (LCMS-IT-TOF) e métodos volumétricos. A interpretação dos resultados utilizou análises estatísticas multivariadas como a análise de componentes principais e agrupamento hierárquico, além do índice de estado trófico. O estudo pode determinar a principal origem dos compostos na água, sendo que HCO3-, Ca2+ e Mg2+ são oriundos da lixiviação da construção civil e a entrada de efluentes domésticos é indicada por meio de Na+, Cl-, SO42- e NO3-. Identificou-se que processos litológicos controlam cor e turbidez e que a entrada de matéria orgânica reflete na distribuição da comunidade zooplactônica e fitoplanctônica ao lago, no qual encontra-se mesotrófico. Todos os compostos emergentes estudados estão dentro das faixas mundiais e de um limiar de toxicidade, exceto o bisfenol A que está acima da NPEC do Canadá, onde as principais fontes são os esgotos domésticos e os efluentes das ETE's. Indica-se que a cafeína, bezafibrato e nonilfenol podem estar associados a matéria orgânica. Baseado em estudos anteriores observa-se aumento gradativo das alterações da qualidade das águas da bacia do Lago Paranoá desencadeada por atividades antrópicas ao longo das principais drenagens. ___________________________________________________________________________________ ABSTRACT
An emerging contaminants and geochemical study on the Lake Paranoá basin was made in this article. The aims of this study were: to evaluate the water quality; to identify and to distinguish the main natural and anthropogenic sources of the elements and substances; to assess the actual lake’s throphic state . The Lake Paranoá basin is located in the central part of the Federal District between the latitudes 15 º 35 'and 15 º 59' south and longitude 47 º 47 'and 48 º 05'. It is supplied for five main tributaries: Riacho Fundo, Gama and Cabeça de Veado streams on the south and Bananal and Torto streams on the north, beyond other small tributaries. The determination of water samples used the following techniques: Inductively Coupled Plasma - Atomic Emission Spectrometry (ICP / OES), Atomic absorption spectroscopy (AAS), Ion chromatography (IC) with suppressed conductivity, liquid chromatography–mass spectrometry (LCMS-IT-TOF) and volumetric methods. The interpretation of the data used multivariate statistical analyzes such as principal component analysis and hierarchical clustering, beyond the trophic state index. The study determined the principal sources of the compounds in water, indicating that HCO3-, Ca2+ and Mg2+ are associated to civil construction leaching and Na+, Cl-, SO42- and NO3- are related to the entry of domestic effluent. It was identified that the color and turbidity are controlled by the lithological processes and that organic substances inputs reflected the distribution of the phytoplanktonic and zooplactonic community in the lake, which is actually assed as mesotrophic. All emerging compounds studied are within the global tracks and a threshold of toxicity, except the bisphenol A which is above the Canada NPEC, where the main sources are domestic sewage and effluents from WWTP. It indicates that the caffeine, bezafibrate and nonylphenol may be associated with organic substances. Considering previous studies and the results obtained in this work, it is possible to observe a gradual increase of the water quality of the lake Paranoá basin triggered by anthropogenic activities along of its major drainages.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Programa de Pós-Graduação em Geociências Aplicadas, 2014.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IG - Mestrado em Geociências Aplicadas (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.